segunda-feira , fevereiro 27 2017
Home / RN / Ministério Público do RN quer fiscalizar gastos públicos com a realização de festividades

Ministério Público do RN quer fiscalizar gastos públicos com a realização de festividades

O Procurador Geral de Justiça, Manoel Onofre de Souza Neto,  e a Corregedora Geral do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Norte, Maria Sônia Gurgel da Silva, expediram Recomendação Conjunta direcionada aos membros da Instituição, com atribuições na Defesa do Patrimônio Público, para que estes fiscalizem os gastos públicos realizados pelas administrações municipais com a realização de eventos festivos, especialmente no período do carnaval 2013.
A fiscalização deverá ocorrer no âmbito dos 139 municípios do Estado do RN incluídos no Decreto nº  22.637, de 11 de abril de 2012, que declarou a situação de emergência devido a  desastres naturais relacionados à seca pelo prazo de 90 dias, o qual ainda foi prorrogado  por mais 180 dias pelo Decreto n°  23.037, de 09 de outubro de 2012.
A iniciativa se deu, dentre outros motivos, devido ao fato de alguns municípios abrangidos pelos supramencionados Decretos, apesar de se encontrarem em situação de emergência,  empregarem verbas públicas na contratação de bandas e realização de festas em geral, revelando uma conduta incompatível com a grave situação de estiagem enfrentada.
Os membros de Ministério Público do Rio Grande do Norte deverão cumprir as determinações da Recomendação enquanto persistir a situação de emergência e, em sendo necessário, deverão adotar as medidas necessárias para impedir a realização de despesas com eventos festivos, como a contratação de artistas, serviços de “buffets” e montagens de estruturas para eventos.

CLIQUE AQUI e confira a Recomendação na íntegra

Do MPRN

Governo vai gastar R$ 8,46 bilhões com a redução das contas de luz
Apreensão de armas de fogo em 2012 realizadas pela PM/RN aumentou 12% em relação a 2011
SME firma parceria com Marinha e Exército para recuperar estrutura física das escolas
Prefeitura e Governo apresentarão pauta conjunta ao Ministério da Saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.