sexta-feira , Fevereiro 23 2018
Home / Portal RN em Rede (page 764)

Portal RN em Rede

Provocação de Vizinha

Com a Bíblia e um rosárioProcurei um reverendoE fui logo lhe dizendoEscute aqui Seu VigárioAo confessionárioHá muito tempo eu não vinhaPorque motivo eu não tinhaMas agora um me atormentaHomem fraco não aguentaProvocação de vizinhaEu não bebo, não namoroTambém não tenho complexoMas esssa história de sexoMe perdoe, Padre, eu adoro!E lá …

Leia Mais

Toda casa de taipa abandonada Guarda um grito de fome dentro dela.

Em visita ao sítio Sobradinho em Altinho-PE.Visitando o torrão dos meus avósVi que o tempo havia destruídoUm pequeno casebre protegidoPela sombra duma cerca de aveloz.À direita inda havia uns mororósComo que emoldurando uma aquarela,No terreiro um pedaço de gamela,Um ferrolho e um cabo de enxada.Toda casa de taipa abandonadaGuarda um …

Leia Mais

O Espelho cruel da minha sorte Refletindo a beleza do passado

Bem pequena, muito amada por meus paisNão sabia o que era sofrimentoEncantada no meu próprio encantamentoMuito longe, bem distante dos meus aisSem saber que futuros carrascaisChegariam, num ocaso inesperadoNum impasse se faria inauguradoSem aviso sem mostrar o passaporteVejo o espelho cruel da minha sorteRefletindo a beleza do passadoFeito jovem, pele …

Leia Mais

O especialista em tigres

Um tigre fugiu do zoológico e foi parar numa árvore de uma casa vizinha. Um especialista em tigres foichamado para tirá-lo de lá. Logo em seguida o especialista chegou com um par dealgemas, uma espingarda e um cachorro e deu asinstruções a dona da casa informando onde estava otigre: – …

Leia Mais

Se uma flor quer doar, que doe em vida Quando a morte chegar, não vale mais

(Mote de Carlos Aires)Glosas, Carlos Aires e Onildo Barbosa numa cantoria virtual ao vivo no Orkut na comunidade “Cabana da Poesia”CAÉ costume entre nós, seres humanosQuando o golpe mortal nos traz as doresRezam, oram, pranteiam levam floresNo momento infeliz dos desenganosO teatro da morte traça os planosCom as cenas macabras …

Leia Mais