quinta-feira , fevereiro 23 2017
Home / Futebol / Libertadores: Corinthians pode até ser excluído da Copa por morte de torcedor

Libertadores: Corinthians pode até ser excluído da Copa por morte de torcedor

ORURO – A morte do jovem torcedor do San Jose, na noite de quarta-feira, pode complicar o Corinthians na Copa Libertadores, e o time pode até ser excluído da competição. Esta é uma das sanções previstas no novo Código Disciplinar da Conmebol, criado no fim do ano passado.

Torcedores do Corinthians no estádio de Oruro, na Bolívia - Juan Karita/AP
Juan Karita/AP

Torcedores do Corinthians no estádio de Oruro, na Bolívia
A entidade que cuida do futebol sul-americano ainda não se pronunciou sobre o assunto até agora, mas os dirigentes do Corinthians se dizem tranquilos quanto a qualquer punição possível. A diretoria alvinegra afirma que o clube não teve nenhuma culpa na morte de Kevin Douglas Beltrán Espada, de 14 anos, atingido por um sinalizador que veio da torcida corintiana. Em nota oficial, o Corinthians diz: “A direção do Sport Club Corinthians Paulista lamenta profundamente a morte de um torcedor na partida contra o San José na noite da última quarta-feira (20) e se coloca à disposição para ajudar no que for possível, mesmo sabendo que nada apagará a dor causada pelo incidente.”
Segundo o artigo 11 do novo Código Disciplinar da Conmebol, que passou a valer nesta edição da Libertadores, o Corinthians pode sim ser punido por causa da atitude de sua torcida. Já o artigo 18, que fala das penas, diz que entre as punições estão multa, anulação de jogo, perda de pontos e até a exclusão da competição, por exemplo.
Em seu site oficial, a Conmebol ignorou o acidente no estádio Jesus Bermudez e não citou nada sobre a morte do torcedor do San Jose na matéria do jogo, que acabou empatado por 1 a 1. A polícia boliviana continua investigando os fatos, já prendeu 12 torcedores do Corinthians e afirmou que o sinalizador partiu mesmo do local onde se encontravam os corintianos.
O CÓDIGO DISCIPLINAR DA CONMEBOL
Artigo 11 – Associações e clubes podem ser punidos por comportamento inadequado da torcida
– Invasão ou tentativa de invasão de campo;
– Objetos atirados ao campo;
– Usar sinalizador, fogos de artifício ou qualquer outro objeto pirotécnico;
– Gestos, palavras, objetos ou outro meio para transmitir mensagem inapropriada em um evento esportivo, sobretudo se for de natureza política, ofensiva ou provocativa;
– Causar estragos;
– Qualquer falta de ordem ou disciplina que se possa cometer dentro do estádio ou em suas proximidades
Artigo 18, sobre punições Advertência, repreensão, multa (de não menos do que 100 dólares ou mais que 200 mil dólares), anulação ou repetição de jogo, perda de pontos, determinação do resultado de jogo, atuar com portões fechados, proibição de jogar em um estádio ou no país, exclusão da competição (atual ou em edições futuras), perda de titulo ou prêmio, rebaixamento, perda de licença.

Estadão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.