segunda-feira , dezembro 5 2016
Home / Futebol / América empata na Arena e sai da Copa Nordeste

América empata na Arena e sai da Copa Nordeste

Copa do Nordeste: América-RN e Coruripe empatam em Natal e morrem abraçados na primeira fase.

América-RN e Coruripe empatam em Natal e são eliminados na primeira fase
América-RN x Coruripe – Copa do Nordeste – Arena das Dunas – Cascata (Foto: Canindé Pereira/América FC)

Hulk abre o placar com João Paulo, e Dragão deixa tudo igual, com um gol de Matheus. Empate do CRB desclassifica os dois times no Grupo B da Copa do Nordeste

América-RN e Coruripe dançaram a valsa da despedida na Arena das Dunas. Os times precisavam vencer em Natal e torcer por um tropeço do CRB para chegar às quartas de final do Nordestão. Não deu. Nesta quarta à noite, o Hulk abriu o placar, com João Paulo, e Matheus igualou tudo no segundo tempo. O empate por 1 a 1 eliminou as duas equipes no Grupo B.

O Coruripe ainda terminou a partida com um jogador a menos. Na etapa final, o meio-campista Jair recebeu o segundo amarelo e foi expulso de campo. O América-RN demorou a reagir e deixou escapar a classificação dentro de casa. Bastava uma vitória simples. Terminou a fase em segundo lugar, com nove pontos. O CRB, que empatou sem gols com o lanterna Estanciano, foi o primeiro, com 10, e o Coruripe ficou em terceiro, com oito.

Bola na trave do América

O América não entrou em campo no ritmo ideal. Tranquilo, o Coruripe chegou a acertar a trave aos 10 minutos, em finalização de Candinho. Mostrou que não ficaria só atrás. Na sequência, o atacante do Hulk colocou o goleiro Pantera para trabalhar em outro bom arremate.
Aos poucos, o América foi se organizando, e Lúcio Curió travou um duelo à parte com o goleiro Gott. Foram três finalizações do atacante na primeira etapa e três boas defesas do goleiro.

Gols no segundo tempo

O jogo melhorou. Aos cinco do segundo tempo, Zé Antônio pegou uma sobra na pequena área, livre, e chutou em cima de Gott, para desespero da torcida alvirrubra. O castigo veio em seguida, aos sete. Candinho cruzou de direita, por baixo, a zaga falhou feio, Pantera saiu mal do gol e João Paulo apareceu para finalizar: 1 a 0.
O Hulk seguiu assustando. Aos 13, Júnior Chicão acionou João Paulo na área. O meia-atacante bateu com violência e acertou o travessão do América. O cenário começou a mudar aos 17. Jair, do Coruripe, fez falta por trás em Cascata e recebeu o vermelho.

O Dragão foi para cima, tentando o empate, e Gott salvou o Hulk numa finalização à queima roupa do próprio Cascata, aos 33. Um minuto depois, o gol de empate. Cascata, sempre ele, acionou pela esquerda Cazumba, que tocou para trás. Matheus virou e bateu no canto esquerdo do goleiro. Os jogadores do Coruripe reclamaram muito de falta de fair play no lance do gol, uma vez que João Paulo estava no chão e deu condição ao ataque alvirrubro. Nada adiantou. Aos 47, a última chance do América. Curió recebeu na pequena área e, sozinho, perdeu o gol da classificação.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.