terça-feira , dezembro 6 2016
Home / Futebol / Fla vence o Flu em clássico de três expulsões

Fla vence o Flu em clássico de três expulsões

Arão e Guerrero deram a vitória para o flamengo em Brasília, Scarpa descontou com gol de falta para o Flu.

Fluminense e Flamengo jogaram de igual para igual até a falha de Diego Cavalieri no primeiro tempo, que permitiu o gol do volante Willian Arão. A partir daí, os rubro-negros dominaram grande parte da partida, e ampliaram a vantagem com Guerrero no início da etapa final. Gustavo Scarpa ainda descontou com um golaço de falta aos 38 minutos, mas não foi suficiente para uma reação. A vitória por 2 a 1 no clássico no Mané Garrincha ainda teve momentos de tensão. O colombiano Cuéllar e Marcos Júnior se estranharam e foram expulsos. Wallace também, mas ao levar o segundo amarelo por chutar a bola após o árbitro ter parado a partida em uma falta de Everton em Gérson. A partida teve 32.024 pagantes (o mesmo número de presentes), com R$ 2.388.360,00 de renda bruta.

Fla vence o Flu em clássico de três expulsões
Guerrero disputa bola no clássico com Henrique, observado por Wellington Silva (Foto: Jorge William /Agência O Globo)

A vitória deixa o Flamengo em segundo lugar do Grupo B, com 10 pontos, atrás somente do Botafogo, que tem 15. O próximo compromisso é contra a Cabofriense, quarta-feira, no Moacyrzão. O Fluminense vive situação mais complicada. É o quarto colocado do Grupo A, com sete pontos, atrás de Vasco, Boavista e Bangu. O próximo confronto é contra o Fluminense, em partida que será disputada no Espírito Santo, também na quarta-feira.
O jogo

A partida começou com uma batalha intensa no meio, com vantagem para os rubro-negros. Mas, apesar da chance ao rival em saída errada de bola, o Fluminense foi o primeiro a finalizar com real perigo, com Scarpa. Paulo Victor defendeu bem. Aos 12, foi a vez de Fred, que tentou dominar com uma perna e bater com a outra sem deixar cair. Mandou por cima. Na sequência, do outro lado do campo, em contra-ataque, Guerrero fez Cavalieri tirar com a ponta dos dedos. No escanteio, Cavalieri falhou e a bola sobrou para Willian Arão marcar: 1 a 0. No lance, existiu dúvida se a bola teria saído pela linha de fundo. O Flamengo cresceu na partida e passou a dominar, teve ótimas chances, mas não aproveitou.

Na etapa final, o panorama melhorou ainda mais para para os rubro-negros. Rodinei cruzou da direita, Guerrero se antecipou a Henrique e mandou para a rede: 2 a 0. Foi o primeiro gol do atacante em clássicos com a camisa do Flamengo. Pouco depois, confusão entre Cuéllar e Marcos Júnior, e ambos receberam cartão vermelho. Em seguida, grande chance do Fluminense, com Cícero, de cabeça. Mas foi para fora. Aos 15, Cavalieri tirou tentativa de Guerrero com a ponta dos dedos. A chuva começou a cair forte no Mané Garrincha, a partida ficou mais truncada. O Fluminense voltou a tentar ameaçar após os 30 minutos. Pouco depois de uma torcedora invadir o gramado para um protesto político, Gustavo Scarpa marcou um golaço de falta: 2 a 1. Ainda houve tempo para Wallace levar o segundo amarelo e também acabar expulso por dar um chute na bola após o árbitro ter parado o lance.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.