domingo , dezembro 4 2016
Home / Nacional / TSE suspende propaganda do PSC por teor ofensivo

TSE suspende propaganda do PSC por teor ofensivo

O ministro Tarcisio Vieira, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), concedeu neste domingo (14) liminar à Coligação Com A Força do Povo e à candidata Dilma Rousseff para suspender propaganda do Partido Social Cristão (PSC) e do candidato Everaldo Dias Pereira (Pastor Everaldo). Na representação, é alegado que a propaganda eleitoral questionada foi veiculada, ao longo de toda a programação do dia 13 de setembro – no rádio às 12h e na TV às 13h – , “contendo peças com informações ofensivas, degradantes e injuriosas em relação aos Representantes”.

Sustentam que a propaganda imputa, “injusta e ilegalmente, a responsabilidade por suposto desvio de bilhões de reais por meio de atos de corrupção” e que nela há a alegação “com todas as letras, que os representantes estão envolvidos com tais atos, cuja gravidade é flagrante”. A Coligação Com A Força do Povo e à candidata Dilma Rousseff também afirmam que a expressão “o nosso dinheiro está sendo roubado por esse bando de ladrões”, utilizada pelos representados, incute no eleitorado “a informação de que haveria – em curso constante e ininterrupto, no governo dos representantes – uma atividade de desvio de recursos públicos, engendrado por um `bando de ladrões’, por todo o governo do PT indistintamente”.

Na representação, as autoras entendem que as imputações feitas na peça publicitária contestada teriam extrapolado em muito as mensagens que devem ser veiculadas na propaganda eleitoral, apresentando-se como afirmações injustas, despropositadas, injuriosas, degradantes e claramente ofensivas à sua honra e imagem.

Fonte: Blog Panorama Político

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.