domingo , janeiro 22 2017
As gostosas do BBB em ensaios da Playboy e Sexy
Home / Futebol / Vasco vence Paraná em São Januário e encosta no G4 da Série B

Vasco vence Paraná em São Januário e encosta no G4 da Série B

O clube cruzmaltino ainda desperdiçou uma cobrança de pênalti com Kleber e Martin Silva goleiro do Vasco garantiu a vitória magra praticando grandes defesas.

Rio de Janeiro, RJ, 02 – O Vasco venceu o Paraná por 1 a 0, na tarde deste sábado, em São Januário, pela Série B do Brasileiro, e se aproximou do G4, o grupo dos quatro clubes que vão subir para a divisão de elite em 2015. A equipe carioca ainda desperdiçou um pênalti, no segundo tempo: o atacante Kleber fez a cobrança e o goleiro Marcos defendeu. Com a vitória, após dois empates seguidos na Série B, o Vasco tem agora 22 pontos, apenas um atrás do quarto colocado Joinville. O Paraná, por sua vez, segue com 13 pontos, na zona de rebaixamento. Com o apoio de mais de 15 mil torcedores, o time da casa iniciou o jogo disposto a abrir logo o placar. Dominou os primeiros 20 minutos e deu a impressão de que a vitória viria com facilidade. Mas, antes mesmo do gol de Douglas Silva aos 34, após falha do goleiro Marcos, o Vasco já não era tão impetuoso e dava espaços para o adversário. A vantagem por pouco não se desfez ainda nessa etapa.

Em pelo menos três vezes, o Paraná esteve a ponto de empatar. Quem evitou o gol foi o goleiro Martin Silva. Ele se destacou com defesas difíceis e deixou o campo no intervalo como o jogador mais aplaudido pela torcida vascaína. No banco de reservas do Vasco, o técnico Adilson Batista, minutos antes, olhava para o relógio apreensivo e torcia para que o árbitro encerrasse rapidamente o primeiro tempo.
A partida teve outro desenho no segundo tempo. O Paraná tomou a iniciativa de atacar e pressionou o Vasco. Novamente, Martin Silva surgiu em momentos difíceis para os donos da casa e impediu o gol paranaense. Um lance, porém, mudou tudo. No instante em que um atleta do Paraná estava caído e seus colegas esperavam que o jogo fosse interrompido, Kleber avançou com a bola e sofreu pênalti, cometido por Anderson Rosa.
Houve um princípio de confusão, Anderson foi expulso e, em seguida, Kleber perdeu o pênalti. Com um a mais, o Vasco administrava o resultado, mesmo não jogando bem. E quase levou o empate aos 45, quando Breno, de cabeça, finalizou na trave vascaína. Adilson Batista pulou irritado e nervoso, com a falta de atenção da zaga. Mas a vitória estava selada.
PRÓXIMOS JOGOS
Os dois times voltam a campo no próximo sábado, às 16h20. O Vasco encara o ABC, no Estádio Frasqueirão, em Natal, enquanto o Paraná recebe o Vila Nova, em Curitiba.

Fonte: Futebol do Interior

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A assistente de palco do João Kleber, Dayse Brucieri
error: Você não tem permissão para usar essa função.