domingo , dezembro 4 2016
Home / Copa do Mundo / Argentina de Messi passa por Bélgica e vai a semifinal da Copa do Mundo

Argentina de Messi passa por Bélgica e vai a semifinal da Copa do Mundo

Argentina passa por Bélica e enfrenta a Holanda na semifinal da Copa

A Argentina está entre as quatro melhores seleções da Copa de 2014. A equipe sul-americana venceu a Bélgica por 1 x 0  na tarde deste sábado (05.07), no Estádio Nacional de Brasília. O gol saiu aos oito minutos do primeiro tempo, em belo chute de Higuaín. Acompanharam a partida 68.551 pessoas.
Os hermanos esperam o vencedor de Holanda e Costa Rica, logo mais às 17h. A semifinal está marcada para 9 de julho, no mesmo horário, na Arena Corinthians, em São Paulo. A outra semifinal será disputada por Brasil e Alemanha, no dia 8 de julho, também às 17h, no Mineirão, em Belo Horizonte.
Primeiro tempo
Brasília foi a “próxima vítima” da invasão argentina, e o azul e o branco tomaram conta de parte do Estádio Nacional. O estímulo dos torcedores tinha um objetivo: ajudar a equipe a chegar a uma semifinal após 24 anos. Mas os brasileiros nas arquibancadas apoiavam os belgas e começaram cedo a provocação: gritos de “olé” foram entoados nos primeiros toques dos Red Devils na partida.
A Argentina foi a campo com Romero; Zabaleta, Demichelis, Garay e Basanta; Biglia, Mascherano, Di María e Lavezzi; Messi e Higuaín. A Bélgica começou com a seguinte formação: Courtois; Alderweireld, Van Buyten, Kompany eVertonghen; Witsel, Fellaini, De Bruyne, Mirallas, e Hazard; Origi.
Com dois minutos, Lavezzi recebeu belo passe de Messi e levou perigo pela esquerda, mas cruzou mal e o zagueiro Kompany tirou. Seis minutos depois, o gol: Di María tentou um passe e a bola desviou na zaga. Mas sobrou de forma perfeita para Higuaín, que acertou lindo chute de primeira. Este é único gol do camisa 9 argentino na Copa de 214 até agora.
Correndo atrás do placar, aos 16 minutos, o lateral belga Vertonghen subiu bem para o campo ofensivo pela esquerda e cruzou para a área, mas Garay afastou. Outra boa jogada saiu aos 25: após tocar bola no meio campo, De Bruyne decidiu tentar de longe e chutou bem para o gol, mas Romero defendeu.
Messi fez incrível inversão de jogo aos 27, achando Di María pela direita já na entrada da área, só que a finalização foi barrada por Kompany. O meia do Real Madrid sentiu dores na coxa direita após o lance e recebeu antendimento. Tentou se manter em campo, mas não aguentou: saiu para a entrada de Pérez, aos 32 minutos.
O camisa 10 argentino apareceu mais uma vez em jogada individual. Ele driblou alguns belgas e foi derrubado na entrada da área. O próprio Messi bateu a falta da meia-lua no minuto 39, mas para fora. A Bélgica também chegou com perigo aos 41, com cabeçada de Mirallas após cruzamento pela esquerda, mas a bola passou à direita do gol de Romero.
 A Argentina teve as melhores chances no início da etapa final. Higuaín protanizou bela jogada pela esquerda aos 5 minutos, invadiu a área e tentou chute cruzado, mas Van Buyten tirou. Pouco depois, Messi bateu falta na área e Courtois tirou com a ponta dos dedos. Em mais um bom lance, Higuaín partiu em velocidade e chutou bonito, mas a bola bateu no travessão, aos 9 minutos.
Argentina de Messi passa por Bélgica e vai a semifinal da Copa do Mundo
Foto: Getty Images
A Bélgica mexeu: tirou Origi e colocou Lukaku, enquanto Mertens substituiu Mirallas. Aos 15 minutos, Vertonghen cruzou para a área e Fellaini subiu mais que a zaga, mas o cabeceio do belga foi para fora. Um outro cruzamento, desta vez dela direita, foi cortado por Garay na direção do gol. A bola parou nas mãos de Romero, dando um susto na equipe sul-americana.
Lavezzi deu lugar a Palacio pela Argentina, com 25 minutos de jogo, enquanto Hazard saiu para a entrada de Chadli, pela Bélgica, pouco depois. A equipe europeia continuou pressionando em busca do empate, e a Argentina se fechou para segurar o resultado: tirou o autor do gol, Higuaín, e colocou o volante Gago, faltando pouco mais de 10 minutos para o fim.
Aos 39, De Bruyne aproveitou bola rolada para trás por Lukaku e tentou de fora da área, mas a zaga desviou para a linha de fundo. Os escanteios batidos pela Bélgica na sequência não surtiram efeito. Messi partiu sozinho e quase fez o segundo aos 48 em um contra-ataque, mas o goleiro Courtois fez bela defesa, como nos confrontos Atlético de Madri x Barcelona. A Bélgica não desisitu, teve mais uma boa chance no finalzinho, com chute de Witsel, sem sucesso. O apito final chegou: argentinos estão na semifinal novamente, 24 anos depois.
http://www.copa2014.gov.br/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.