sábado , dezembro 3 2016
Home / Copa do Mundo / Equador vence Honduras em Curitiba e sonha com a vaga nas oitavas

Equador vence Honduras em Curitiba e sonha com a vaga nas oitavas

Mais uma festa sul-americana na Copa do Mundo. A vitória do Equador sobre Honduras por 2 x 1 na noite de hoje (20), em Curitiba, não garantiu a classificação, mas assegurou a comemoração dos equatorianos na Arena da Baixada.
Em uma partida muito disputada, não faltaram disposição e correria dos dois times desde o começo. O primeiro tempo mostrou duas equipes ofensivas e rápidas. No entanto, muitos erros deram o tom do jogo. No final, venceu quem errou menos nas poucas oportunidades claras de gol no jogo.
A primeira foi aos 19 minutos. O zagueiro equatoriano Erazo fez um lançamento do campo de defesa e encontrou Enner Valencia na entrada da área, livre de marcação. O atacante, no entanto, bateu por cima do gol. Aos 30 minutos, Honduras chegou ao gol, com Carlos Costly. O camisa 13 hondurenho recebeu bola lançada com liberdade e bateu no canto de Domínguez, fazendo o primeiro gol do país nessa Copa.
Aos 33 minutos, no entanto, o bom jogo equatoriano foi recompensado. Paredes chutou cruzado, de longe. A bola atravessou a área e encontrou Enner Valencia do outro lado. O atacante não falhou dessa vez e empatou o jogo, acendendo a torcida de seu país, em bom público na Arena da Baixada.
Stefano Rellandini/Reuters
Stefano Rellandini/Reuters
No último lance do primeiro tempo, Costly cabeceou, a bola bateu na trave e voltou em Bengston, que fez o que seria o segundo gol de Honduras. O árbitro, no entanto, flagrou toque de mão do jogador no lance. Os hondurenhos ficaram revoltados e Bengston, que também estava impedido ao fazer o gol, ainda foi punido com cartão amarelo.
Logo no começo do segundo tempo, Honduras tentou levar perigo com um chute de Beckeles. O goleiro Domínguez, no entanto, fez uma defesa digna de capa de revista. Aos 16 minutos, mais um gol irregular dos hondurenhos, bem anulado pelo árbitro.
Aos 13 minutos, o Equador chegou ao segundo gol, de novo com Valencia. Em cobrança de falta, o atacante aproveitou a bola levantada na área, subiu mais que todo mundo e cabeceou com firmeza, sem chance para o goleiro Valladares. Era o que faltava para a festa equatoriana em Curitiba.
A virada levou o time hondurenho ao ataque. A seleção centro-americana da passou a dominar o jogo, mas esbarraram em erros de passe e chutes. O Equador apostou nos contra-ataques com Valencia, destaque do time. Aos 43 minutos, a torcida equatoriana, mais confiante na vitória, esboçou os primeiros gritos de olé. Aos 46 minutos ainda deu tempo de outro gol, dessa vez do Equador, ser anulado pelo juiz, que viu toque de mão de Valencia antes da finalização.
A vitória mantém os equatorianos na disputa para chegar às oitavas de final, mas a tarefa não será fácil. Eles precisam vencer a França, líder do grupo, na última rodada, dia 25, e torcer contra os Suíços, que têm o mesmo número de pontos. Em caso de empate contra os franceses, um empate dos Suíços contra Honduras classifica o Equador. Já Honduras tem uma tarefa ainda mais difícil, pois precisa vencer a Suíça, com boa diferença de gols, e torcer por uma vitória da França no outro jogo.
Agencia Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.