segunda-feira , dezembro 5 2016
Home / Celebridades / Lutador Wanderlei Silva é demitido do UFC após fugir de antidoping surpresa

Lutador Wanderlei Silva é demitido do UFC após fugir de antidoping surpresa

Presidente do Ultimate fez anúncio em conversa com jornalistas antes de show em Berlim

Lutador Wanderlei Silva é demitido do UFC após fugir de antidoping surpresa
Wanderlei Silva não é mais lutador do Ultimate (FOTO: Divulgação/UFC)

A saída de Wanderlei Silva da luta contra Chael Sonnen no UFC 175, que acontece dia 5 de julho, em Las Vegas, teve consequências sérias para o brasileiro. Depois de não cumprir suas obrigações protocolais junto a Comissão Atlética de Nevada para um exame antidoping, o “Cachorro Louco” teve de ver seu rival Vitor Belfort tomar seu lugar na disputa contra americano. E não parou por aí. Segundo reproduziu o site “Bjpenn.com”, Wanderlei foi demitido pelo Ultimate.

– Wanderlei Silva está acabado com o UFC! – disse Dana White, em conversa com os jornalistas em Berlim, onde acontece o UFC: Muñoz x Mousasi.

Segundo o mandatário, Wand literalmente fugiu dos representantes da comissão atlética que foram até sua academia para fazer um teste antidoping surpresa. Dana revelou que o brasileiro correu pela porta dos fundos, entrou em seu carro e saiu. A última informação que o presidente do UFC tem é de que Wanderlei pegou um vôo da Malasyan Airlines e não teve conhecimento sobre seu destino.

– Depois da coletiva do UFC 175 (que aconteceu antes do UFC 173, em Las Vegas) membros da comissão visitaram um treino de Wanderlei Silva para um exame surpresa. Ele fugiu deles pela porta dos fundos da academia, entrou no carro e foi embora. Depois, fiquei sabendo que ele entrou em um vôo da Malasyan Airlines para algum lugar, e não soube mais nada sobre ele – explicou.

Depois de brilhar no extinto PRIDE como um dos maiores nomes da história do MMA, Wand não fez uma boa trajetória no UFC. Em quatro passagens pelo evento, o brasileiro somou 12 lutas, cinco vitórias e sete derrotas. A primeira luta do curitibano aconteceu em 1998, na estreia do show em solo brasileiro. Na ocasião, Wanderlei foi nocauteado por Belfort em menos de um minuto. Seu último combate pela organização foi em março de 2013, onde nocauteou Brian Stann no UFC Japão.

LANCEPRESS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Juliana Isen nua na Sexy de novembro 2016
error: Você não tem permissão para usar essa função.