sábado , dezembro 10 2016
Home / Polícia / Polícia identifica e prende homem que usou criança como escudo em tiroteio

Polícia identifica e prende homem que usou criança como escudo em tiroteio

Menino de 10 anos morreu ao sofrer três disparos, na noite de quinta-feira (12).

A polícia já identificou e autuou o homem que, na noite de quinta-feira (12), envolveu-se em um tiroteio e usou um menino de 10 anos como escudo. A criança acabou sofrendo três tiros e morreu em via pública, na rua Valdir Azevedo, em Macaíba. José Carlos Lopes Jerônimo, de 24 anos, também foi baleado, mas acabou detido e autuado por homicídio.

José Carlos sofreu dois disparos, mas acabou preso e autuado por homicídio

De acordo com o titular da Delegacia de Macaíba, delegado Normando Feitosa, José Carlos foi autuado no artigo 121 por ter participado diretamente e provocado a morte do menino Cleiton Osório Mendes dos Santos.

"Esse caso não se trata de uma criança vítima de uma bala perdida. Trata-se de um assassinato provocado, tendo em vista que o suspeito agarrou a criança para se proteger dos tiros. Então, deve ser responsabilizado por isso", declarou Normando Feitosa.

Em relação ao outro homem que estava envolvido no tiroteio e que teria efetuado os disparos que atingiram a criança, a polícia revelou já tem alguns nomes, mas ainda não pode divulgar para não atrapalhar as investigações.

O delegado Normando contou ainda que uma adolescente de 15 anos também foi baleada nessa ocorrência e que ela seria namorada de um dos suspeitos envolvidos no confronto. Em contato com a reportagem do Portal BO, a menina declarou que não conhecia os homens que provocaram o tiroteio e que somente estava passando pela rua quando foi baleada.

Fotos: Sérgio Costa / Portal BO

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.