sexta-feira , dezembro 9 2016
Home / Nacional / Jovem brasileiro agredido dentro de supermercado na Austrália tem morte cerebral

Jovem brasileiro agredido dentro de supermercado na Austrália tem morte cerebral

Exame inicial constatou o quadro, mas hospital ainda fará novos testes.

Rapaz foi agredido no sábado (2) durante briga dentro de supermercado.

image

Brasileiro agredido na Austrália viajou para estudar e trabalhar (Foto: Reprodução/Facebook)

O brasileiro Lúcio Stein Rodrigues, de 34 anos, que ficou gravemente ferido após uma briga em Sydney, na Austrália, no final da tarde deste sábado (2), teve morte cerebral atestada no primeiro exame realizado, de acordo com informações dadas pelo hospital à família do rapaz. De acordo com o primo de Rodrigues, Bruno Pagotto Piovesani, de 37 anos, o médico disse que a vítima tem sintomas de morte encefálica e que irá realizar novos exames para, no final da noite desta segunda-feira (4), confirmar o resultado inicial.

O biólogo, que é ex-diretor de Meio Ambiente da Prefeitura de Capivari (SP), foi agredido ao tentar ajudar o amigo que apanhava dentro de um supermercado. O hospital entrou em contato com a família de Rodrigues na madrugada desta segunda e confirmou o resultado do exame feito no rapaz, mas disse que novos testes serão realizados para ver se ele apresenta reações. A comunicação aos familiares deve ocorrer novamente por volta da 0h do Brasil, 12h na Austrália.

De acordo com Piovesani, o cônsul brasileiro no país acompanha pessoalmente o caso. "O consulado está nos apoiando bastante neste momento, mas já estamos buscando recursos para mandar alguém da família para a Austrália e trazer o corpo para o Brasil", disse Piovesani por telefone na manhã desta segunda.

Ainda segundo o primo da vítima, um órgão da Austrália entrou em contato com a família no sábado à noite dizendo que ele havia sofrido um acidente. Em seguida, ainda de acordo com Piovesani, o hospital local ligou e pediu para a família se dirigir ao país.

Conforme o relato de amigos da vítima passado à família de Rodrigues, ele foi ao supermercado com um amigo fazer compras quando viu um colega sendo agredido e tentou conter os agressores.

Itamaraty

Segundo informações Itamarary, o brasileiro sofreu traumatismo craniano durante a briga. O ministério informou que Rodrigues teria batido com a cabeça em um parquímetro e que a polícia local está investigando o caso e se reportando direto ao consulado brasileiro. O Itamaraty disse ainda que o consulado tem um funcionário no hospital em contato direto com a equipe médica e com a família do rapaz.

Do G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.