quarta-feira , dezembro 7 2016
Home / RN / Caern troca material filtrante da ETA de Jardim de Piranhas

Caern troca material filtrante da ETA de Jardim de Piranhas

image

As Estações de Tratamento de Água (ETE´s) de várias cidades do Estado estão sendo atendidas com manutenção dos sistemas de filtração, incluindo a troca de material filtrante. A Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) está realizando o trabalho que tem o objetivo de garantir a qualidade da água dentro dos padrões de qualidade do produto. Atualmente, as cidades de Caicó e Jardim de Piranhas estão sendo beneficiadas dentro do cronograma de ações.

Material filtrante é o nome técnico para as camadas de pedra e areia grossa e fina presentes nos filtros das Estações de Tratamento.  Este material é necessário para filtrar as impurezas da água, em um dos processos de tratamento, para garantir a potabilidade do produto seguindo todas as determinações da legislação federal.

Esta intervenção no processo de filtração reduz a quantidade de produtos químicos, como cloro, na última fase do processo de tratamento de água. O tratamento deve ter um bom desempenho em todas as suas fases para se obter a qualidade desejada da água, obedecendo aos padrões de potabilidade adotados na Portaria 2.914 do Ministério da Saúde.

A Acquatrat é a empresa responsável pela execução do serviço que, inclusive, já foi realizado na Estação de Tratamento de Água Médio Oeste e na Estação de Tratamento Serra de Santana. Atualmente a empresa está trabalhando na adutora de Jardim de Piranhas, responsável pelo abastecimento de Caicó. O mesmo serviço foi executado na Estação de Tratamento de Água (ETA) local de Jardim de Piranhas.

O trabalho realizado na Estação de Tratamento da adutora Médio Oeste, por exemplo, foi essencial neste período de estiagem para melhorar a qualidade da água distribuída para as cidades de Triunfo Potiguar, Janduís, Messias Targino, Patu, Paraú e Campo Grande e comunidades rurais. Na ETA, localizada às margens da barragem Armando Ribeiro Gonçalves, além da troca de material filtrante, foi feita a restauração da mesma como a pintura dos filtros e a substituição de todos os registros.

A Regional Mossoró ficou responsável pela pintura do prédio. Outras medidas foram tomadas para melhorar a qualidade da água nas cidades atendidas pela adutora Médio Oeste como a mudança na captação para um local mais profundo. Além da utilização do método de tratamento denominado pré-oxidação e o aumento na quantidade de vezes que os filtros são higienizados.

ACS Caern

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.