terça-feira , dezembro 6 2016
Home / Futebol / Ex-jogador de futebol é assassinado de forma trágica no Rio de Janeiro

Ex-jogador de futebol é assassinado de forma trágica no Rio de Janeiro

João Rodrigo, que tem passagens por diversos clubes cariocas e por equipes de Honduras e da Suécia, foi decapitado na madrugada desta terça-feira

image
João Rodrigo, ex-jogador do Bangu, foi decapitado. A Polícia investiga o caso (Foto: Reprodução/ Bangu)

Um crime brutal assustou moradores de Realengo, Zona Oeste do Rio de Janeiro, na madrugada desta terça-feira. Um homem foi decapitado e sua cabeça foi deixada dentro de uma mochila na porta da casa em que ele morava com a esposa, uma policial militar que trabalha na Unidade de Polícia Pacificadora de São Carlos, Zona Norte da cidade.
O que ninguém sabia, no entanto, era que João Rodrigo Silva Santos, 35 anos, já foi jogador de futebol. Atualmente João era proprietário de uma loja de produtos naturais, mas um amigo da vitíma revelou que ele já atuou pelo Bangu, pelo Madureira, pelo Botafogo do Distrito Federal, e chegou a jogar em times da Suécia e de Honduras.
O amigo ainda falou que João não possuía inimizades e que a loja dele havia sido assaltada há pouco tempo. Outra pessoa próxima de João, o cunhado, também falou sobre o caso e disse que testemunhas viram homens levando a vitíma no carro dele mesmo. Ele também falou que quem viu a cabeça de João disse que ele estava sem os olhos e sem a língua.
Depois de esperar João durante toda a madrugada, a mulher, com quem ele era casado há 11 anos, encontrou a cabeça dele por volta das 6h. A Polícia ainda não tem informações de qual seria motivação do crime, mas as primeiras informações coletadas por policiais do 14º Batalhão de Polícia Militar dão conta de que João teria sido assassinado por traficantes das favelas Minha Deusa, Vila Vintém ou Curral. A Divisão de Homicídios da Polícia Civil está investigando o caso.
João Rodrigo começou sua carreira no futebol nos juvenis do Bangu, quando tinha 16 anos. Entra idas e vindas permaneceu no clube de 1996 à 2005. Em 1998 o atacante foi emprestado ao Olimpia, de Honduras, retornando em 1999. Foi o artilheiro do time alvirrubro no Campeonato Brasileiro da 2ª Divisão de 2000, salvando o Bangu em diversas partidas, inclusive no duelo das oitavas-de-final contra o São Raimundo (AM). No ano de 2003 foi emprestado novamente, indo jogar no Oster, da Suécia. Em 2004 foi vendido para o Madureira, mas logo no ano seguinte retornou ao Bangu por empréstimo. Ele ainda jogou no Remo, no Volta Redonda, no Tigres, no Duque de Caxias, no Olaria, no Botafogo (DF), e no Bonsucesso.

Lance press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.