sábado , dezembro 3 2016
Home / Esportes / América-RN perdeu em casa e não entrou no Z4 por sorte

América-RN perdeu em casa e não entrou no Z4 por sorte

Com Lincom inspirado, Braga vence América-RN e ainda sonha com G-4

O Bragantino visitou o América-RN na noite desta terça-feira e contou com uma partida inspirada de seu artilheiro na Série B – com seis gols – para vencer por 2 a 0. Lincom marcou duas vezes para garantir o triunfo e manter vivas as esperanças de acesso para o time do interior de São Paulo.

O primeiro gol veio logo no início do jogo. Aos dois minutos, Léo Jaime cruzou e Lincom cabeceou com muita força para as redes. Aos 46, ele recebeu passe de Magno Cruz e bateu com estilo, fechando a conta.

Com o triunfo, o Braga chegou aos 36 pontos e ganhou uma posição, terminando a rodada na 11ª colocação, a sete pontos do Sport, quarto colocado.

O América-RN, por sua vez, perde a chance de se distanciar da zona de rebaixamento, já que São Caetano e Atlético-GO não venceram na rodada. Assim, a equipe potiguar mantém a 16ª colocação com 27 pontos, um à frente dos goianos.

Na próxima rodada, o América-RN vai à Ilha do Retiro buscar a reabilitação contra o Sport. O Bragantino joga em casa contra o América-MG para emplacar uma sequência de vitórias.

O jogo – Com um ritmo alucinante imposto desde os primeiros instantes, o Bragantino não se importou com a pressão da torcida adversária e abriu o placar com dois minutos de jogo.

Léo Jaime avançou pela direita e cruzou com bastante felicidade para Lincom, que nem precisou pular para cabecear forte e balançar as redes do Dragão.

Arte GE.Net

América-RN perdeu em casa e não entrou no Z4 por sorte

A partida ficou mais equilibrada depois do gol e disputada no meio-campo. Tiago Adan e Guilherme Mattis, para América-Rn e Bragantino, respectivamente, perderam as melhores chances.

Quando o fim da primeira etapa chegava, aos 46 minutos, o Bragantino conseguiu aumentar a conta. Magno Cruz deu bom passe em profundidade para Lincom. O iluminado camisa 9 bateu de primeira, com estilo, por cima do goleiro Andrey, fazendo o segundo.

No segundo tempo, as equipes voltaram atentas e mantiveram o equilíbrio visto até o fim dos 45 minutos iniciais. Com muitos cartões amarelos nos primeiros momentos, o jogo ficou mais truncado e as oportunidades de gol se tornaram mais escassas.

No fim, Magno, meia do Bragantino, e Fabinho, volante do América-RN, se desentenderam e trocaram tapas na lateral do campo. Os dois foram para o vestiário mais cedo.

Administrando a partida, o Bragantino garantiu sua terceira vitória nos últimos quatro jogos – sendo duas fora de casa – e confirmou o bom momento. Que também se firma como destaque do time é Lincom. O camisa 9 fez quatro gols desde o retorno de Marcelo Veiga, que está em seu terceiro jogo.

Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.