segunda-feira , dezembro 5 2016
Home / Esportes / Vettel vence GP da Bélgica e segue firme na liderança

Vettel vence GP da Bélgica e segue firme na liderança

O alemão Sebastian Vettel (Red Bull) venceu o Grande Prêmio da Bélgica, disputado na manhã deste domingo, e manteve a primeira colocação do Mundial. Já o espanhol Fernando Alonso (Ferrari) retomou a vice-liderança do campeonato ao chegar no segundo posto em Spa-Francorchamps.

Com a quinta vitória na temporada, a 31ª de sua carreira, Vettel contabiliza um total de 197 pontos ganhos. A oito etapas do final do Mundial com o Grande Prêmio do Brasil, Alonso tem 151 pontos e retoma o segundo posto do finlandês Kimi Raikkonen (Lotus), que não completou a corrida belga.

Mais uma vez, o brasileiro Felipe Massa (Ferrari) exerceu papel de coadjuvante na corrida e terminou apenas na sétima colocação. No Grande Prêmio da Itália, marcado para o próximo dia 8 de setembro, o piloto terá a oportunidade de mostrar serviço diante dos fãs de sua equipe.

John Thys/Gazeta Press

Spa-Francorchamps (Bélgica)

A corrida – O Grande Prêmio da Bélgica teve uma largada limpa. O britânico Lewis Hamilton (Mercedes) conseguiu manter a ponta, mas por pouco tempo. Logo na primeira volta, o alemão Sebastian Vettel (Red Bull) tomou a liderança e passou a abrir.

O alemão Nico Rosberg (Mercedes) aproveitou mais uma largada ruim do australiano Mark Webber (Red Bull) e assumiu o terceiro lugar. Se Felipe Massa (Ferrari) caiu da 10ª para a 12ª colocação, o espanhol Fernando Alonso, companheiro do brasileiro, foi do nono para o quinto posto.

Embalado, o bicampeão mundial partiu para cima do britânico Jenson Button (McLaren) e assumiu o quarto lugar na quarta volta. O piloto espanhol manteve a escalada e, no sexto giro, superou Rosberg para ficar atrás apenas de Hamilton e Vettel.

Button resolveu adiar ao máximo sua primeira parada e chegou a ficar no segundo lugar. No 18º giro, ele foi ultrapassado por Alonso e em seguida se dirigiu aos boxes. Na 26ª volta, o finlandês Kimi Raikkonen (Lotus) abandonou com um problema nos freios e interrompeu uma série de 26 provas na zona de pontuação, um recorde.

Button se manteve na terceira colocação, atrás de Vettel e Alonso, até a 35ª volta, quando parou pela segunda vez e deixou a briga pelos primeiros lugares. Desta forma, Hamilton, que largou na pole position, retornou ao grupo dos três melhores na corrida.

Alonso não foi ameaçado pelo adversário da Mercedes até o final da prova, mas tampouco conseguiu incomodar o líder Vettel. Sem correr grandes riscos, o piloto da Alemanha cruzou a linha de chegada com tranquilidade para ganhar mais uma corrida.

Em uma participação discreta, Massa não conseguiu brigar pelas primeiras colocações. O brasileiro sofreu com falhas técnicas desde o começo da prova e teve problemas no Kers. Com sua vaga na Ferrari ameaçada para a próxima temporada, ele terminou apenas no sétimo lugar.

Confira o resultado final do Grande Prêmio da Bélgica:

1: Sebastian Vettel (ALE/Red Bull)
2: Fernando Alonso (ESP/Ferrari)
3: Lewis Hamilton (ING/Mercedes)
4: Nico Rosberg (ALE/Mercedes)
5: Mark Webber (AUS/Red Bull)
6: Jenson Button (ING/McLaren)
7: Felipe Massa (BRA/Ferrari)
8: Romain Grosjean (FRA/Lotus)
9: Adrian Sutil (ALE/Force India)
10: Daniel Ricciardo (AUS/Toro Rosso)
11: Sergio Perez (MEX/McLaren)
12: Jean-Eric Vergne (FRA/Toro Rosso)
13: Nico Hulkenberg (ALE/Sauber)
14: Esteban Gutierrez (MEX/Sauber)
15: Valtteri Bottas (FIN/Williams)
16: Giedo van der Garde (HOL/Caterham)
17: Pastor Maldonado (VEN/Williams)
18: Jules Bianchi (FRA/Marussia)
19: Max Chilton (ING/Marussia)

Não completaram
Paul Di Resta (ESC/Force India)
Kimi Raikkonen (FIN/Lotus)
Charles Pic (FRA/Caterham)

Da Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.