domingo , dezembro 4 2016
Home / Futebol / Torcida faz festa no novo “Maraca” e o Flamengo se classifica com gol de Elias

Torcida faz festa no novo “Maraca” e o Flamengo se classifica com gol de Elias

Torcida faz festa no novo “Maraca” e o Flamengo se classifica com gol de Elias

A diretoria reduziu o preço dos ingressos, convocou a torcida e os rubro-negros compareceram em peso ao Maracanã na noite desta quarta-feira. O cenário para uma bonita festa estava pronto, restava o Flamengo retribuir em campo o carinho das arquibancadas e fazer o seu papel. E assim foi feito, sob a batuta do "maestro" Elias, autor do gol salvador. Embalado pelas mais de 53 mil pessoas que lotaram o estádio, o time carioca venceu o Cruzeiro por 1 a 0, reverteu a vantagem da partida de ida e garantiu sua classificação às quartas de final da Copa do Brasil.

Com o resultado positivo e a vaga garantida, o Flamengo enfrentará o Botafogo no clássico carioca da fase seguinte do torneio. O próximo compromisso, porém, é pelo Campeonato Brasileiro, no domingo, diante do Corinthians, em São Paulo. Já o Cruzeiro, eliminado, não tem outra opção e concentra todas as suas atneções na competição de pontos corridos, onde é líder. E o próximo duelo será contra o Vasco, domingo, no Mineirão.

A necessidade de reverter o placar do jogo de ida e o apoio da torcida, que não parava de cantar, fizeram o Flamengo partir para cima no início da partida. Com mais posse de bola, os rubro-negros chegavam com frequência ao campo de defesa do Cruzeiro e conseguiam impor seu ritmo de jogo.

A vantagem dos cariocas, porém, não era sinônimo de boas chances e perigo para os mineiros. Com erros no último passe e falta de tranquilidade para finalizar, o Flamengo não assustava o goleiro Fábio. Sem volume de ataque, o time do técnico Mano Menezes seguia dominando. O único chute a gol dos rubro-negros no primeiro tempo saiu aos 43min, com o zagueiro Wallace. Nada, porém, que alterasse o empate parcial por 0 a 0 no placar.

Na volta do intervalo, a pressão rubro-negra continuava. E ainda mais forte. Desta vez, porém, com mais organização, o time passava a levar perigo à zaga cruzeirense. Elias e André Santos comandavam as ações, mas a finalização ainda não era das melhores. Marcelo Moreno ainda chegou a tocar para as redes em um lance na área, mas o árbitro anulou a jogada, marcando falta no goleiro Fábio.

Aos poucos, e na base da catimba, o Cruzeiro tentava segurar a pressão do Flamengo. Mais tranquilo em campo, o time mineiro conseguiu ir ao ataque e também teve um gol anulado.  Ainda assim, o lance não segurou o ímpeto rubro-negro.

Na metade final da etapa complementar, o time do técnico Mano Menezes voltou a pressionar, agora com Adryan na vaga de Carlos Eduardo, sacado pelo treinador. A pressão era forte, no campo e nas arquibancadas, mas nada parecia capaz de derrubar os cruzeirenses. Até que Elias, grande nome do Flamengo no jogo e na temporada resolveu o jogo. Aos 47min, meia Paulinho recebeu na direita em contra-ataque rápido e cruzou para o volante, que bateu firme para fazer o gol e garantir a vaga nas quartas de final da Copa do Brasil.

UOL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.