terça-feira , dezembro 6 2016
Home / Curiosidades / Homem abandona família para não raspar o bigode de mais meio metro

Homem abandona família para não raspar o bigode de mais meio metro

Por causa do bigode, Malik Afridi foi sequestrado e ameaçado de morte.
Ele deixou a mulher e 10 filhos em Peshawar e se mudou para Faisalabad.

O comerciante paquistanês Malik Afridi foi sequestrado por islamistas, ameaçado de morte e obrigado a abandonar sua família por apenas uma razão: ele se nega a raspar seu impressionante bigode de 76 centímetros.

Malik Afridi exibe seu bigode de 76 centímetros (Foto: A. Majeed/AFP)Malik Afridi exibe seu bigode de 76 centímetros (Foto: A. Majeed/AFP)

Por causa do bigode, Malik Afridi foi sequestrado por islamistas, ameaçado de morte e obrigado a abandonar sua família (Foto: A. Majeed/AFP)Por causa do bigode, Malik Afridi foi sequestrado por islamistas, ameaçado de morte e obrigado a abandonar sua família (Foto: A. Majeed/AFP)

"As pessoas sempre me respeitaram [por meu bigode], gostam de tirar fotos comigo. É minha identidade", disse Afridi.

Durante séculos, deixar o bigode era sinal de virilidade, mas hoje, com a influência dos talibãs e do salafismo no Paquistão, se impõe a barba longa.

Há alguns anos, Malik Amir Mohamad Jan Afridi era uma estrela local no distrito tribal de Jyber, zona de insurgentes perto da fronteira com Afeganistão, graças a seu bigode.

No entanto um grupo islamista lhe pediu US$ 500 por mês como "proteção", para que ele pudesse exibir seu bigode com tranquilidade. Como se negou, ele acabou sequestrado em 2009. Ele só foi libertado após um mês de cativeiro.

"Fiquei  com medo de que me matassem. Por isso, sacrifiquei o bigode", disse.

Mas, dois meses mais tarde, ele se mudou para Peshawar, principal cidade do noroeste do país, e voltou a deixar o bigode crescer. Em 2012, porém, começou a receber ligações anônimas em que o ameaçavam de morte.

Com medo, ele abandonou sua família (mulher e dez filhos) e se mudou para Faisalabad, núcleo da indústria têxtil, no centro do Paquistão. No mês passado, por causa do ramadã, ele voltou a Peshawar para visitar sua família.

Por causa do bigode, Malik Afridi foi sequestrado e ameaçado de morte (Foto: A. Majeed/AFP)Por causa do bigode, Malik Afridi foi sequestrado e ameaçado de morte (Foto: A. Majeed/AFP)

Da France Presse Via G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.