quarta-feira , dezembro 7 2016
Home / Política / Governador do Ceará diz que vai retirar pratos “com nome francês” de bufê do governo

Governador do Ceará diz que vai retirar pratos “com nome francês” de bufê do governo

Após a repercussão negativa do contrato de R$ 3,4 milhões do governo do Ceará para fornecimento de bufê, incluindo pratos como caviar, escargot e lagosta, o governador Cid Gomes (PSB) afirmou nesta segunda-feira (19) que vai mandar retirar todas as comidas "exóticas" e só vai deixar pratos "com nome em português" no cardápio do bufê do governo.

"Se querem demagogia, vou mandar retirar todas as coisas exóticas desse cardápio. Tudo que for com nome francês, com nome inglês, com nome russo, vai sair, vai ficar só coisa com nome em português", disse.

Cid disse isso após afirmar que poderia retirar "tudo que é exótico do cardápio", mas que isso não reduziria o custo do contrato. "Seria só uma demagogia a mais, uma demagogia em cima de uma demagogia. Podia ser uma manchete de jornal", disse. Após a declaração, disse que havia resolvido adotar a ideia.

O governador afirmou que nunca comeu "esse negócio de caviar" e que o bufê deve atender o público basicamente com "arroz, feijão, carne, frango e peixe".

"O poder público é demandado para fazer eventos. Para isso, tem que ter um fornecimento [de bufê]", afirmou, em entrevista.

Para ele, deve ser feita uma comparação com os outros governos, que segundo o governador também têm essa despesa. "Se a questão é nacional peguem aí no Brasil inteiro, vamos ver todos os governos. Fica sério se o negócio for feito assim, mas dizer que só o Ceará tem isso é muito esquisito".

O contrato do bufê foi questionado na semana passada pela oposição ao governador. Segundo a assessoria do governo, os valores serão pagos conforme a demanda, e incluem também decoração, cadeiras, mesas, garçons e transporte. Embora o contrato tenha vigência de 12 meses, a previsão, diz o governo, é que os valores sejam gastos em quatro anos.

Folha de S.Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.