sábado , dezembro 10 2016
Home / RN / Operários da Arena das Dunas passam mal após café da manhã

Operários da Arena das Dunas passam mal após café da manhã

29 trabalhadores passaram mal; 19 foram medicados em Cidade Satélite.
Muitos sentiram dores de barriga, dores de cabeça e vomitaram.

Trabalhadores do Arena das Dunas passaram mal (Foto: Fred Carvalho/G1)Trabalhadores do Arena das Dunas passaram mal após o café da manhã (Foto: Fred Carvalho/G1)

Vinte e nove operários que trabalham na construção do estádio Arena das Dunas, em Natal, passaram mal após o café da manhã servido nesta quarta-feira (5). Dezenove deles, segundo a empresa OAS – responsável pelas obras – foram socorridos às pressas para uma unidade hospitalar no conjunto Cidade Satélite. Os demais, foram atendidos no ambulatório existente no próprio estádio. Os trabalhadores relataram dores de cabeça, dores estomacais e muitos disseram que chegaram a vomitar.

Em nota, a OAS informou que os alimentos que foram servidos no café da manhã foram recolhidos para análise e que a empresa só irá se pronunciar após o resultado.

“Eles foram chegando em ambulâncias e carros particulares. Tivemos que suspender o atendimento no pronto-socorro por causa da quantidade de gente passando mal”, relatou a bioquímica Alessandra Rocha. Segundo ela, os operários foram atendidos num salão e foram medicados com soro fisiológico e antibióticos.

Trabalhadores do Arena das Dunas passaram mal e foram levados para unidade de saúde (Foto: Fred Carvalho/G1)Pelo menos 19 operários foram levados para o
posto de saúde (Foto: Fred Carvalho/G1)

Tiago Góis tem 22 anos e há quatro meses trabalha como montador de andaimes na obra. Ao G1, ele contou que o café foi servido às 6h20, mas os primeiros só começaram a se sentir mal por volta das 8h30. “Comemos pão, carne de sol desfiada, salsicha e cuscuz com verduras”, revelou.  

Outro operário, Francisco Calixto de Medeiros, de 37 anos, é ajudante de pedreiro. Ele disse que comeu carne com pão e café com leite. “A carne era tipo uma paçoca. Comecei a passar mal umas 8h30. Tive diarreia e vomitei”, contou. Trabalhador do consórcio OAS, responsável pelas obras, ele disse que no dia 21 do mês passado, logo após o almoço, também passou mal.

Luiz Antônio Pimentel, de 47 anos, é pedreiro. Ele contou que comeu pão com carne e teve dor no estômago e também vomitou. “Me senti muito mal e fui levado para o ambulatório”, revelou.

Do G1 RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.