terça-feira , dezembro 6 2016
Home / Poemas e poesias / Tanto tempo já faz que não te vejo, Que a saudade batendo me maltrata.

Tanto tempo já faz que não te vejo, Que a saudade batendo me maltrata.

Se eu pudesse me auto transportar
Junto a te mais que lépido eu estaria
E não mais tanto assim eu sofreria
Pois iria urgente te encontrar
Uma formar eu ainda ei de achar
E encurtar viu distancia e tão ingrata
Que me impede de dizer em serenata
Meu querer-te, meu te amar e o desejo.
Tanto tempo já faz que não te vejo,
Que a saudade batendo me maltrata.

Mote: Pedro Torres      
Glosa: Valdir Oliveira “Oliveira do Cordel”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.