sábado , dezembro 10 2016
Home / Polícia / Padre batizou menina que diz ter sido abusada por ele

Padre batizou menina que diz ter sido abusada por ele

A delegada Martha Dominguez indiciou nesta quarta-feira (27) o padre Emílson Soares Corrêa, de 52 anos, por mais um crime de estupro de vulnerável. Em um novo depoimento, uma jovem de 19 anos que mantinha um caso com o padre disse que ele acariciava as partes íntimas dela e a obrigou a fazer sexo oral desde que ela tinha 13 anos. Na época, ela foi batizada por ele em uma igreja de Niterói, como mostra a foto.

O padre Emílson trabalhava em uma paróquia no bairro Cubango, em Niterói, quando conheceu a menina, atualmente com 19 anos. Ela diz ter sido tocada por ele aos 13, mas começou a ter relações sexuais aos 15. A irmã dela, atualmente com 10 anos, diz ter sido abusada pelo padre durante um passeio da igreja quando tinha 7 anos

Do R7

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.