sábado , dezembro 10 2016
Home / Educação / Prêmio Innovare 2013 premiará monografias de profissionais de todas as áreas

Prêmio Innovare 2013 premiará monografias de profissionais de todas as áreas

image

Prêmio incentiva práticas eficientes para solução de problemas na Justiça.

O Prêmio Innovare 2013, lançado no Superior Tribunal de Justiça (STJ), terá em sua 10ª edição concurso de monografias para profissionais de quaisquer áreas sobre o tema "A Justiça do Século XXI". Os interessados poderão inscrever trabalhos na categoria "Prêmio Especial".
O prêmio, criado em 2004 pelo Instituto Innovare em parceria com outras entidades e órgãos públicos, busca identificar e reconhecer práticas eficientes para a solução de problemas da Justiça no Brasil. A cerimônia de lançamento do prêmio teve a presença de Roberto Irineu Marinho, presidente das Organizações Globo, que dá apoio à iniciativa.
Na categoria Prêmio Especial, as monografias de profissionais e graduados de todas as áreas deverão apresentar reflexões e experiências para o aprimoramento do atendimento da Justiça.
Como em todas as edições anteriores, o Innovare também premiará iniciativas nas categorias Juiz, Defensoria Pública, Tribunal, Advocacia e Ministério Público.
Diferentemente dos anos anteriores, não há um tema para as premiações, e serão aceitas iniciativas sobre quaisquer assuntos, desde que visem melhorar a Justiça brasileira.
As inscrições para todas as categorias estão abertas até o dia 31 de maio pelo site www.premioinnovare.com.br.
As iniciativas que se enquadrarem nos critérios do prêmio serão analisadas por uma comissão julgadora formada por ministros em atividade e aposentados do Supremo Tribunal Federal (STF), do Superior Tribunal de Justiça (STJ), além de advogados e outras autoridades.
Durante o lançamento do prêmio, o presidente do STJ, Felix Fischer, destacou que a premiação incentiva o Judiciário a se tornar "vetor" da cidadania.
"Investimentos em modernização não são suficientes. É imperiosa a vontade política para que o Judiciário se torne vetor da cidadania. E uma dessas propostas é o Prêmio Innovare, que já identificou centenas de boas práticas no Judiciário brasileiro", afirmou Fischer.
O ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, destacou que o Innovare é um "Oscar" do Judiciário brasileiro. Segundo ele, o prêmio ajuda a "romper a barreira do autocentrismo" do Judiciário ao mostrar que é preciso melhorar o diálogo com todos os setores.
"[O Innovare] é um dos grandes marcos de reflexão do Estado brasileiro na busca de um melhor sistema jurisdicional. É o Oscar do Judiciário brasileiro, e felizes aqueles que forem contemplados com esse prêmio porque estarão contribuindo para o Judiciário."
O presidente do Conselho Superior do Instituto Innovare, Carlos Ayres Britto, ministro aposentado do STF, destacou também que o concurso de monografias em todas as áreas "abre a janela do Judiciário" para outros setores.
"[O Prêmio] requisita protagonistas outros para nos ajudar e começarmos a fazer distinção sutil, diferença, entre Poder Judiciário e sistema de Justiça. Sistema de Justiça é mais abrangente porque incorpora atores que têm função importante para nosso sistema jurisdicional", completou Ayres Britto.
O diretor jurídico da Caixa Econômica Federal, Jailton Zanon de Oliveira, falou em nome dos advogados da Caixa, que já foram premiados pelo Innovare. Ele destacou que a premiação incentiva a inovação na Justiça brasileira.
"A Caixa quer um Judiciário sério, todos nós queremos. O que buscamos foi dar uma parcela de contribuição, e o Innovare vem como propulsor, motor, para que se inove cada vez mais."

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.