sexta-feira , janeiro 20 2017
Home / RN / Natal: Obras do Mercado das Rocas serão retomadas em junho

Natal: Obras do Mercado das Rocas serão retomadas em junho

As obras do Mercado Modelo das Rocas devem ser iniciadas em junho. Esforços neste sentido estão sendo empreendidos pela Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur). A agilidade na execução das obras atende a determinação do prefeito Carlos Eduardo de que o novo e moderno equipamento público seja inaugurado e entregue a população até junho de 2014. As obras estão orçadas em R$ 2,8 milhões e contam com recursos federais provenientes do Ministério do Turismo.
O anúncio das obras foi feito pelo prefeito Carlos Eduardo na manhã desta quarta-feira, 27, durante visita ao Mercado do Peixe que passou por ampla reforma na estrutura física. “Encontramos este mercado caindo aos pedaços. Fizemos uma reforma emergencial para colocar em ordem tudo que estava completamente desarrumado. O bom é que conseguimos fazer no prazo de chegar a Semana Santa com um mercado decente para atender a população”, frisou o prefeito.
Segundo revelou na ocasião, o próximo passo da sua administração é viabilizar a construção do Mercado das Rocas. “O esforço todo agora será iniciar em junho a retomada da construção do nosso mercado modelo que foi paralisada na gestão anterior. Acredito que o mesmo seja feito entre seis a oito meses e assim poderemos entregar a obra oficialmente em junho de 2014”. A unidade está sendo erguida no mesmo local onde funcionava o antigo mercado do bairro próximo a Praça Irmã Vitória e ao pátio da feira livre.
MERCADO DO PEIXE
O titular da Semsur, Raniere Barbosa, informou que a reforma do Mercado do Peixe consiste em duas etapas, sendo a primeira para dar condições de imediato funcionamento e a segunda, que será executada em 2014, compreende a climatização da parte superior e a construção de um deck para o Rio Pontegi. De acordo com ele, a Semsur recebeu o mercado completamente depredado, inclusive, com processo em andamento para ser interditado pela Coordenadoria de Vigilância Sanitária (Covisa).
“A situação era caótica, com teto danificado, paredes sujas e esburacadas, elevadores quebrados, precisando de dedetização, iluminação sem manutenção, parte hidráulica e hidro sanitária destruídas, enfim, em total abandono”. Para dar condições de receber a população nesse período da Semana Santa, ressaltou que a Semsur fez um trabalho de reparos na estrutura física que incluíram os seguintes benefícios: pintura interna e externa, revisão na rede elétrica e nas instalações sanitárias, troca de extintores e de ventiladores, colocação de tampas de caixas de gordura, recuperação do teto em PVC e na parte de paisagismo, bem como dedetização em todo o ambiente, entre outras ações.

O Mercado do Peixe funcionará das 6h às 18h, de segunda a sábado e aos domingos de 6h ao meio-dia, informou o diretor do Departamento de Feiras e Mercados, Jonas Gregório Mendes. De acordo com ele, o mercado conta atualmente com uma estrutura de câmara frigorífica para conservação do pescado que é fornecida aos permissionários pela Colônia dos Pescadores Z4, uma praça de alimentação e 26 boxes. Além da variedade de peixe, também são comercializados, mariscos, lagosta, camarão e outros tipos de frutos do mar.
PRAÇA DO PÔR DO SOL
A Semsur também fez melhorias na Praça do Pôr do Sol, situada em frente ao Mercado do Peixe, que anualmente recebe os feirantes que trabalham nas Rocas e em algumas feiras livres da cidade. A praça, que recebeu limpeza e pintura, abriga cerca de 20 feirantes que contam com a infraestrutura da Semsur de bancas e tendas. O movimento no local cresce neste período do ano pela procura acentuada dos diversos tipos de pescado bem como pela sua localização próxima ao mercado.
O prefeito Carlos Eduardo aproveitou a oportunidade e visitou também aquele espaço sendo recebido com aplausos pelos feirantes. Para José Antônio Soares, que há 40 anos trabalha nas feiras do Alecrim, Carrasco, Cidade da Esperança, Lagoa Seca e Pirangi, é boa, importante e gratificante a iniciativa da Semsur na Praça do Pôr do Sol. “Melhora a qualidade da feirinha que fica mais adequada e higiênica para atender ao consumidor. É só na administração de Carlos Eduardo que esta feira acontece. E isso é muito bom porque é mais uma oportunidade de melhorar a nossa renda”.
Raniere Barbosa acrescenta que as ações realizadas pela Semsur ampliam a procura do consumidor pelo pescado principalmente neste período do ano. “Atendendo aos permissionários e feirantes, oferecemos melhorias tanto no Mercado como na Feira da Praça com uma estrutura adequada para que todos possam atender a clientela com mais conforto e segurança. Tudo isso junto permite, inclusive, que eles ampliem o lucro nas vendas”.

Site Prefeitura de Natal

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

A assistente de palco do João Kleber, Dayse Brucieri
error: Você não tem permissão para usar essa função.