sábado , dezembro 3 2016
Home / Esportes / Formula 1: Vettel se desculpa com Webber após vitória “por engano” no GP da Malásia

Formula 1: Vettel se desculpa com Webber após vitória “por engano” no GP da Malásia

sebastian vettel e mark webber rbr gp da malásia (Foto: Agência EFE)

O atual campeão mundial de Fórmula 1, Sebastian Vettel, pediu desculpas a Mark Webber, seu colega de equipe na Red Bull, por ignorar uma ordem da escuderia e roubar a vitória no Grande Prêmio da Malásia do australiano, neste domingo.

"Sou a ovelha negra no momento… tudo que posso fazer é pedir desculpas a Mark", disse o alemão, parecendo contrito, após a dobradinha da Red Bull, que lhe deu a liderança do campeonato depois de duas corridas.

"A ultrapassagem foi deliberada, obviamente eu queria passá-lo… mas não pretendi ignorar a estratégia ou a ordem. Simplesmente cometi um erro".

Webber fazia uma corrida magistral, saindo da quinta posição para assumir a dianteira, e recebeu ordens para diminuir o ritmo nos instantes finais para poupar o carro e os pneus. Vettel e a Mercedes de Lewis Hamilton vinham logo atrás.

O tricampeão Vettel deveria fazer o mesmo, mas, faltando 12 voltas para o final, ao invés disso, arremeteu e ultrapassou seu companheiro de escuderia após uma batalha feroz, selando sua 27ª conquista em um GP.

O australiano extravaosu seus sentimentos mais tarde, dizendo somente "Multi-21, Seb, Multi-21" – uma referência à orientação do time – e dando as costas ao alemão antes de subirem ao pódio.

"Ele não é um sujeito manso. É esperar para ver como ele vai lidar com isso no longo prazo. Vai ficar frustrado e chutar umas portas hoje", disse seu pai, Alan, ao cana de TV britânico Sky.

Webber afirmou que vai levar tempo para absorver o que aconteceu.

"Ainda estou bem aborrecido, porque tínhamos um plano antes da corrida, como fazemos na maioria dos grandes prêmios no tocante a como as coisas serão em uma determinada situação", declarou o piloto de 36 anos, que no passado já acusou sua equipe de favorecer Vettel.

Ele lembrou do GP da Turquia de 2010, quando a dupla colidiu enquanto disputava a liderança e desperdiçou muitos pontos, e disse que irá tirar um tempo para surfar na Austrália antes da próxima prova, no dia 14 de abril, em Xangai.

"Acho que isso será um bom remédio para mim", disse. "Mas passou coisa na minha cabeça nas últimas 15 voltas, para ser honesto, então vamos ver se esse remédio basta".

O australiano afirmou que desacelerou, poupou os pneus e que foi "tranquilizado duas vezes de que não íamos abusar dos carros um com o outro".

Christian Horner, chefe de equipe da Red Bull, disse que o assunto será resolvido internamente.

"No que diz respeito à corrida, deixamos eles disputarem até a última parada nos boxes, e do ponto de vista da equipe, como todos os problemas que tivemos neste final de semana, queríamos controlar a corrida e poupar os pneus até o fim", declarou Horner.

"Mas àquela altura o interesse dos pilotos se tornou maior que o da equipe e eles decidiram competir um com o outro, o que obviamente foi desagradável para nós. Mas eles são pilotos de competição".

"Vamos nos reunir e discutir isso como uma equipe. Eles tiveram disputas duras antes. São muito competitivos. É difícil".

Reuters

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.