sábado , dezembro 10 2016
Home / Polícia / Casal é preso por deixar bebê trancado em carro em Macaíba, RN

Casal é preso por deixar bebê trancado em carro em Macaíba, RN

PM teve que quebrar o vidro do veículo para resgatar a menina de 4 meses.
Pais da criança estavam almoçando em restaurante próximo ao local.

Edivalberto de Pontes Araújo e Genúbia Oliveira, pais do bebê (Foto: Caroline Holder/G1)Edivalberto de Pontes Araújo e Genúbia Oliveira, pais do bebê (Foto: Caroline Holder/G1).

Um casal foi preso no início da tarde desta quarta-feira (6) após ter deixado a filha, um bebê de quatro meses, trancada dentro de um carro em Macaíba, município da Grande Natal. De acordo com informações da Polícia Militar, Edivalberto de Pontes Araújo e Genúbia Oliveira, pais do bebê, foram levados para a delegacia de Macaíba e autuados em flagrante. Segundo o delegado Márcio Delgado, os dois serão indiciados por abandono de incapaz. Para que respondam pelo crime em liberdade, foi estipulada fiança de R$ 1 mil para cada.

A criança foi encontrada por uma guarnição do Batalhão de Operações Policiais Epeciais do Rio Grande do Norte (Bope). De acordo com o tenente Craveiro, os policiais pararam em um posto de combustíveis para abastecer a viatura e ouviram um choro de bebê. "Fomos buscar de onde vinha o choro e chegamos até o carro. Ainda gritamos para ver se aparecia alguém. Como não apareceu, quebramos o vidro do veículo para resgatar a criança", disse o tenente.

Segundo ele, a criança estava aparentemente bem, apesar de bastante aflita. "Os pais apareceram quando perceberam a movimentação policial. Eles disseram que estavam almoçando em um restaurante dentro no próprio posto", afirmou o tenente Craveiro.

Ao G1, o pai do bebê afirmou que a criança estava dormindo e, por isso, preferiu não acordá-la. "Nós íamos apenas almoçar. Ela estava dormindo, então achamos melhor deixá-la no carro para não ter que acordá-la", afirmou Edivalberto Araújo.

De acordo com o delegado Márcio Delgado, os pais do bebê serão indiciados por abandono de incapaz. O delegado estipulou fiança de R$ 1 mil para cada um para que eles possam responder em liberdade. Em caso de condenação, a pena para este crime é de 6 meses a 3 anos de prisão.

Ainda de acordo com informações da polícia, o casal é de Araruna, na Paraíba e veio para Macaíba para entregar um equipamento de antena parabólica.

Do G1 RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.