sexta-feira , dezembro 2 2016
Home / Nacional / Viúvo de fisioculturista morta em Natal é considerado foragido

Viúvo de fisioculturista morta em Natal é considerado foragido

Prisão temporária de 30 dias é assinada pela juíza Gabriela Oliveira.
Empresário Alexandre Furtado Paes ainda não foi localizado pela polícia.

Empresário Alexandre Furtado Paes mantém mensagem de luto em seu perfil no Facebook (Foto: Reprodução/Facebook)Empresário Alexandre Furtado Paes mantém mensagem de luto em seu perfil no Facebook (Foto: Reprodução/Facebook)

A Justiça do Rio Grande do Norte determinou a prisão temporária, por 30 dias, do empresário Alexandre Furtado Paes, viúvo da fisioculturista Fabiana Caggiano Paes, morta em 2 de janeiro em Natal. O laudo do Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep) apontou que Fabiana morreu por asfixia, sendo o empresário o principal suspeito, como indicou as investigações do delegado do caso, Frank Albuquerque. Segundo a Polícia Civil, Alexandre ainda não foi localizado.

“A decisão de pedir a prisão de Alexandre foi em conjunto: Eu, o Ministério Público, e a Justiça entendemos que ele precisa ficar preso para não atrapalhar a conclusão do caso e manter a segurança dos parentes de Fabiana ”, explicou o delegado.

Alexandre negas as acusações, e mantém a versão de que Fabiana caiu enquanto tomava banho e, em seguida, apresentou o quadro de insuficiência respiratória. Sendo esta a causa da internação da fisioculturista na UTI de um hospital particular de Natal.

Segundo Frank Albuquerque, a irmã de Fabiana, Amanda Caggiano, e a mãe das duas, Itália Caggiano, disseram à polícia que Alexandre tem rondado a casa delas. Além disso, o delegado defende que o viúvo atrapalhou a investigação, mentindo nos depoimentos, tentou destruir provas e pode ter modificado a cena do crime.

"Ele quebrou o vidro do box para ajudar a contar a versão dele. Mudou a ordem cronológica dos fatos e está amedrontando a mãe e a irmã de Fabiana", resumiu o delegado.

A Polícia Civil em Osasco foi avisada do mandado, mas ainda não conseguiu cumpri-lo. “Alexandre ainda não foi localizado. Qualquer polícia pode prendê-lo. Caso ele não se apresente, já será considerado foragido”, afirmou Frank.

Quando for preso, Alexandre será encaminhado para o Rio Grande do Norte, onde irá cumprir os 30 dias de prisão temporária.

Do G1 RN

Veja também:

Em Mosoró polícia faz apreensão de crak, arma e pés de maconha
Instituto de Perícia revê número de mortos em Santa Maria e aponta para 234 vítimas
Tragédia de Santa Maria: Justiça bloqueia bens dos donos da boate
Copa do Mundo: COL e FIFA realizam mais uma inspeção operacional na Arena das Dunas
Todas as fotos da Miss Bumbum Carine Felizardo nua na revista Sexy de fevereiro
Entrevista com fotógrafa que escapou da tragédia da boate de Santa maria
Jacaré com 20kg é capturado em via pública de cidade do Maranhão
Nos EUA, bêbado é preso ao dirigir usando camiseta com piada de bafômetro
Homem usa "caneta espiã" para filmar seios de colega e vai preso
Com a promoção da prefeitura começou hoje em Currais Novos a Colônia de Férias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.