quinta-feira , dezembro 8 2016
Home / Saúde / Estudo aponta que abraços podem fazer bem a saúde

Estudo aponta que abraços podem fazer bem a saúde

Um mero abraço pode trazer benefícios tanto psicológicos quanto físicos ao ser humano. A descoberta, divulgada nesta terça-feira, foi feita após uma pesquisa promovida pela Universidade de Viena, na Alemanha.
De acordo com o estudo,o hormônio chamado ocitocina é liberado quando o indivíduo abraça outra pessoa. A liberação do componente abaixa a pressão sanguínea, diminuindo o estresse, a ansiedade e pode ainda auxiliar o combate contra a falta de memória.
Entretanto, não é qualquer abraço que é capaz de liberar o hormônio. Segundo os cientistas, um abraço educado em uma pessoa qualquer pode ter um efeito contrário ao esperado.
A ocitocina é um hormônio produzido pelo hipotálamo e é conhecido por ajudar no surgimento de ligações afetivas e sociais, como entre pais e filhos. Este hormônio também é produzido pelas mulheres durante a gravidez e o período de amamentação, aumentando o vínculo entre mãe e bebê.
De acordo com o pesquisador Jurgen Sandkuhler, o hormônio só terá o efeito positivo caso as duas pessoas confiem uma na outra. “A ocitocina é benéfica quando há sentimentos mútuos entre os indivíduos. Se as pessoas não se conhecerem ou se o abraço for contra a vontade dos dois, os efeitos são perdidos”, explica em entrevista ao jornal “Daily Mail”.
Sandkuhler ainda questionou as diversas campanhas de “abraços grátis” que ocorrem pelo mundo inteiro diariamente. Segundo o pesquisador, o efeito seria benéfico se todas as pessoas envolvidas na ação estivessem cientes do motivo da campanha.
Caso contrário, os abraços podem se tornar uma grande fonte de estresse. “Se alguma pessoa que você não conhece surge querendo te abraçar, isto vai gerar um desconforto. Esta violação do espaço é geralmente vista como uma ameaça”, concluiu.

Do Yahoo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.