quinta-feira , dezembro 8 2016
Home / Nacional / Minas Gerais: Escola serve merenda estragada e 150 pessoas vão pro hospital

Minas Gerais: Escola serve merenda estragada e 150 pessoas vão pro hospital

Situação lamentável
Cerca de 150 pessoas, entre alunos e funcionários, de uma escola estadual do distrito de Santa Rita de Ouro Preto, na região central do Estado, teriam sido intoxicados pela merenda servida na instituição na terça-feira (4).
Conforme a prefeitura da cidade, no cardápio da Escola Estadual José Leandro, onde estudam cerca de 800 alunos, havia macarronese. As pessoas deram entrada na UPA da cidade de Ouro Preto, onde receberam atendimento médico.
Uma equipe da Vigilância Sanitária e uma da Vigilância Ambiental municipal foram deslocadas para a escola para tentar recolher informações sobre o que pode ter causado a possível intoxicação coletiva, mas a macarronese já havia sido jogada no lixo e não poderia mais ser analisada.
De toda forma, as equipes recolheram água da escola para saber se isso pode ter sido a fonte do que aconteceu às vítimas.
Segundo a Secretaria Estadual de Educação (SEE), as famílias das pessoas que passaram mal estão recebendo toda a assistência necessária. A SEE afirmou ainda que as escolas possuem um cardápio indicado pela secretaria, mas que, no dia, o responsável pela merenda teria alterado alguns dos ingredientes de uma das opções. A troca não é proibida pela instituição.
As aulas na escola estão suspensas desde a terça-feira (4), e a previsão é de que continuem assim até a próxima segunda-feira (10), de acordo com a SEE.
R7 MG

Gostou? Curta nossa página no Facebook e receba notícias em tempo real!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.