sábado , dezembro 3 2016
Home / Esportes / Flamengo acaba com equipe de natação e principal nadador do país fica sem clube

Flamengo acaba com equipe de natação e principal nadador do país fica sem clube

O Flamengo não contará com uma equipe de natação em 2013. O fim das atividades foi anunciado na tarde desta sexta-feira, durante a apresentação do novo diretor executivo de esportes olímpicos do clube, Marcelo Vido.

Com isso, Cesar Cielo, principal nadador do país, ficará sem clube para o próximo ano. Ele estava no Flamengo desde 2010.

Cielo é dono de três medalhas olímpicas (um ouro e dois bronzes) e bicampeão mundial (50m livre) e campeão mundial (100m livre e 50m borboleta).

Outros atletas de destaque que terão de procurar um novo destino em 2013 são Henrique Barbosa, Nicholas Santos, Leonardo de Deus, Joanna Maranhão, Daynara de Paula e Etienne Medeiros. O contrato de todos os nadadores é válido até o dia 31 de dezembro.

Cielo e outros nadadores estão com salário atrasados e ainda não foram informados oficialmente que o Flamengo não renovará o contrato.

A decisão pelo fim da equipe foi tomada após uma reunião com as comissões técnicas da natação e do polo aquático do clube.

De acordo com a nova diretoria do clube, a prioridade agora será investir nas divisões de base.

O time de basquete não corre risco imediato de extinção. A nova diretoria, inclusive, informou que está correndo atrás de um reforço para suprir a ausência do ala Marcelinho Machado.

LADO DOS ATLETAS

A assessoria de imprensa do campeão olímpico em Pequim-2008 afirmou não ter informações sobre a não renovação do contrato do nadador. Ele está de férias coma família fora do país.

Nicholas Santos disse na tarde de sexta que ainda não havia sido contatado pelo clube.

“Estava esperando uma posição deles para começar a pensar no que fazer no ano que vem. Por enquanto, estou de folga. Também não sei como ficará a questão dos pagamentos atrasados”, disse o nadador. O Flamengo lhe deve alguns meses de salário. Segundo ele, Cielo e Henrique Barbosa também têm pagamentos a receber.

Cielo não treina na Gávea. Ele tem sua própria equipe, a PRO 16, que conta também com Nicholas e Barbosa. Os três, no entanto, defendiam o clube em competições.

O acordo dos nadadores havia sido feito por iniciativa da ex-presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, que é ex-nadadora. Com os atletas em sua equipe, o clube rubro-negro quebrou jejum de dez anos e voltou a conquistar o Troféu Maria Lenk, em abril.

Folha de S.Paulo/ Lancepress

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.