terça-feira , dezembro 6 2016
Home / Futebol / Fluminense vence clássico no Rio e continua mais lider do que nunca

Fluminense vence clássico no Rio e continua mais lider do que nunca

Artilheiro Fred continua balançando as redes.


Carrasco do Botafogo desde que chegou ao Fluminense, Fred fez mais uma vez a diferença e marcou o gol da vitória por 1 a 0 neste sábado (6), no Engenhão. Com o resultado, os tricolores chegaram a 62 pontos na ponta da tabela e permanece com a vantagem de seis sobre o Atlético-MG. Já os alvinegros permanecem com 40, na sétima posição, mas vê a chance de se classificar para a próxima Libertadores mais distante.

O clássico foi muito disputado em boa parte dos 90 minutos, mas sem muitas chances de gol. O Botafogo começou melhor e desperdiçou boas oportunidades no primeiro tempo, mas viu o Fluminense crescer no segundo e marcar com o artilheiro Fred, que chegou a 13 gols no Brasileiro, se igualando a Bruno Mineiro, da Portuguesa.

Na próxima rodada, o Fluminense vai até Salvador para encarar o Bahia, na quarta-feira. No dia seguinte, o Botafogo vai receber o Santos, no Engenhão, para tentar se reabilitar no Brasileiro.

O jogo

O Botafogo começou o clássico em ritmo forte e teve chance de abrir o placar com um minuto. Após bola na área para Seedorf, ela acaba caindo para Elkeson, que finaliza para grande defesa de Diego Cavalieri. O goleiro tricolor trabalhou novamente sete minutos, quando Elkeson tentou mais uma vez o chute para o gol. O Fluminense só teve sua primeira oportunidade aos dez. Thiago Neves aproveitou saída errada dos alvinegros e arriscou de fora da área, mas a bola foi para fora.

Depois do início alucinante, a marcação das duas equipes melhorou e o confronto passou a ficar equilibrado. No entanto, o clima era de nervosismo dentro de campo, com muitas reclamações e entradas mais duras de ambos os lados. Com isso, nenhum time conseguiu chegar com perigo ao gol adversário.

Na parte final do primeiro tempo, o Fluminense passou a ter mais posse de bola e rondar a área do Botafogo, mas pecava no último passe. Somente pouco antes do intervalo, os alvinegros esboçaram uma reação, mas o clássico permaneceu igualado.

Assim como na etapa inicial, o Botafogo começou melhor o segundo tempo. Os alvinegros tiveram a primeira oportunidade com quatro minutos, quando Fellype Gabriel aproveitou falta cobrada na área e cabeceou perto do gol de Diego Cavalieri. Só que a partir dai, o clássico voltou a ficar muito concentrado no meio, com os dois times errando muito na parte ofensiva.

O Fluminense só conseguiu criar uma boa chance aos 25 minutos. Após falta cobrada na área, Digão cabeceia, Jefferson faz grande defesa e vê Gum pegar o rebote, mas finalizar por cima do travessão. No entanto, três minutos depois não teve jeito. Em contra-ataque rápido, Wellington Nem avançou e tocou para Fred dentro da área. O atacante dominou e só teve o trabalho de colocar a bola longe de Jefferson para abrir o placar no Engenhão.

Depois do revés, o Botafogo tentou partir para cima do Fluminense, mas acabou abrindo espaço na defesa e passou a proporcionar os contra-ataques aos tricolores. Mesmo assim, nenhuma das equipes chegou com mais perigo ao gol adversário e os líderes do Brasileiro saíram de campo mais uma vez com a vitória.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE 1 X 0 BOTAFOGO

Local: Engenhão, Rio de Janeiro (RJ)
Data: 6 de outubro de 2012 (Sábado)
Horário: 18h30(de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (RJ)
Assistentes: Rodrigo Correa (RJ) e Ediney Mascarenhas (RJ)
Renda: R$ 494.515,00
Público: 16.919 pagantes
Cartões amarelos: Carlinhos e Marcos Júnior (Fluminense); Seedorf e Márcio Azevedo (Botafogo)

GOL:

FLUMINENSE: Fred, aos 27min do segundo tempo

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Bruno, Gum, Digão e Carlinhos; Edinho, Jean, Deco (Valencia) e Thiago Neves (Wagner); Wellington Nem (Marcos Junior) e Fred
Técnico: Abel Braga

BOTAFOGO: Jéfferson; Lucas, Fábio Ferreira, Dória e Márcio Azevedo; Jadson (Vítor Júnior), Gabriel, Andrezinho, Fellype Gabriel (Lodeiro) e Seedorf; Elkeson (Rafael Marques)
Técnico: Oswaldo de Oliveira

Fonte: http://www.nominuto.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.