terça-feira , dezembro 6 2016
Home / Polícia / Em São Gonçalo, um catador é encontrado morto no meio do matagal

Em São Gonçalo, um catador é encontrado morto no meio do matagal

O catador de recicláveis Adriel Mendes de Alencar, 30 anos, foi encontrado morto em um matagal do conjunto Santa Teresinha, em São Gonçalo do Amarante, por volta das 6h desta segunda-feira. Apesar de revelar o envolvimento dele com as drogas, o seu irmão, o cobrador João Batista Crisóstono, 29, afirma desconhecer o motivo que tenha motivado o assassinato. Ele acredita que o irmão tenha sido morto na noite deste domingo (21).
O cobrador conta que ele e seu irmão passaram a noite do domingo bebendo na casa de um amigo, no conjunto Santa Teresinha. Por volta das 22h, Adriel Mendes decidiu ir à casa da companheira, no bairro de Padre João Maria. “Ele disse que iria trazê-la para cá. Porém, ela não estava em casa e ele revolveu voltar. Desde então ele não foi mais visto”, relata o irmão da vítima.

João Batista não faz ideia do que tenha motivado a morte do irmão

João Batista crê que havia outra pessoa com o catador quando esse foi assassinado. “Encontramos dois pares de chinelos ao lado do corpo. Deve ser dessa outra pessoa e que queria saber que era”. O cobrador diz que várias pessoas nas proximidades afirmam ter ouvido os disparos. “Mas eu nada ouvi, pois estava bêbado”.
Ele revela que Adriel Mendes era viciado em drogas desde os 15 anos. No entanto, João Batista garante que o irmão não tinha dívidas com o narcotráfico e nem tinha inimigos. Por isso ele não imagina o que possa ter procovado o crime.
O corpo de Adriel Mendes foi encontrado por populares, que acionaram a polícia. O cadáver, que apresentava marcas de tiros, foi recolhido pelo Instituto Técnico-Científico de Polícia (Itep). O caso será agora investigado pela delegacia de Polícia em São Gonçalo do Amarante.

Fonte: DN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.