quarta-feira , dezembro 7 2016
Home / Polícia / Em Caicó, nesta quarta a noite houve tentativa de estupro, perseguição e tiros

Em Caicó, nesta quarta a noite houve tentativa de estupro, perseguição e tiros

Guarnição da Polícia Militar é acionada para efetuar a prisão de um suspeito de tentativa de estupro, e ao chegar na delegacia (DEAM) o suspeito conseguiu evadir-se, e surpreendente  tentativa de recapturá-lo, vários policiais foram ao local, mas só conseguiram efetuar a prisão após atingir o suspeito com um tiro no pé.

Informações repassadas pelos policiais que estiveram à frente da ocorrência em que envolveu João Batista dos Santos, 39 anos, natural de Campo Grande-RN e residente à rua João Paulo II, Bairro João Paulo II, na cidade de Caicó, acusado de estupro, este atacou sua vítima nas proximidades do sítio de Biririu, região próxima do Perímetro irrigado do Sabugi.
O suspeito se nega à prestar qualquer esclarecimento sobre o fato, no entanto assumiu ter passagem pela polícia por assalto à mão-armada.
Ocorrência:
Após acionamento via copom/6º BPM, viatura foi rapidamente deslocada ao local indicado pelo operador, e ao visualizar o suspeito, os policiais perceberam sua inquietação, que em nenhum momento colaborou com o trabalho dos policiais.
Na delegacia, costumeiramente os policiais deixam os suspeitos à vontade, sem temer qualquer atitude atípica, temendo as entrâncias judiciais do direito de ir vir, que normalmente são questionadas pelos "Direitos Humanos", com isso, o bonitão se achou no direito de fugir, como sabão… escapuliu dos olhares do policiais,  que mesmo preparados para situações de risco, evitaram utilizar armas para conter a inquietação do suspeito no primeiro momento, mas para recapturá-lo só restou uma alternativa, acerar os membros baixos do suspeito.
Quando vários policiais já estavam engajados na ação, a mesma guarnição que tinha coordenado sua captura inicialmente conseguiu alvejar o suspeito com um tiro no pé, e rapidamente foi levado à unidade de saúdo do H.R.C, aonde foi cirurgiado e medicado, e em seguida liberado para apresentação à autoridade policial da DEAM.

Fonte: Jair Sampaio via PM Currais Novos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.