domingo , dezembro 4 2016
Home / Política / Aposentado no Espírito Santo acha as eleições de hoje muito modernas

Aposentado no Espírito Santo acha as eleições de hoje muito modernas

 “As eleições estão modernas demais para o meu gosto”, disse o aposentado Arcides Luiz Zaneti de 60 anos, neste domingo (28). Para o eleitor, as novas tecnologias tiraram o seu desejo de votar, mas mesmo assim, ele faz questão de comparecer às urnas em todas eleições.

Arcides Zaneti foi de bicicleta à Escola Municipal Desembargador Cândido Marinho, no bairro Soteco em Vila Velha, na Grande Vitória, para votar.

O eleitor contou ao G1 que quando a votação era feita com cédulas, as eleições se tornavam mais divertidas. “Quando eu estava insatisfeito com os candidatos, como estou hoje, inventava outros candidatos na folhinha. Já que sou botafoguense, colocava “Túlio” para presidente, Pelé para governador e até o nome da Xuxa eu já a escrevi para prefeita, só para brincar mesmo. Caçoava da situação, já que éramos e ainda somos obrigados a comparecer”, contou, com bom humor, o aposentado.

Eleitores
Os eleitores precisam estar munidos de documento de indetificação pessoal com foto. Embora não seja obrigatório levá-lo, o título de eleitor facilita a identificação do local de votação, evitando transtornos. O eleitor deve entregar os documentos pessoais a um mesário, que irá liberar a votação.

Cada um pode utilizar uma “cola”, escrita em um papel, adicionar o número do candidato, confirmar visualmente e logo após apertar a tecla “confirma”. Caso o eleitor coloque algum número errado, é só apertar a tecla “corrige” e adicionar o número certo.
Jusitificativa
Eleitores que estiverem fora do domicílio eleitoral precisam justificar a ausência neste domingo (28), na seção eleitoral, ou nos cartórios eleitorais até 27 de dezembro. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) colocou os formulários de requerimento de justificativa eleitoral à disposição no site do tribunal. 

Há um formulário para ser utilizado no dia da votação e outro, diferente, se o eleitor fizer a justificativa depois do dia da votação. O formulário é gratuito e também pode ser retirado nos cartórios eleitorais e nos locais de votação.

Quem não levar a justificativa a uma seção eleitoral no domingo (28) deve procurar um cartório eleitoral até 60 dias após o pleito.

A justificativa referente à ausência no segundo turno da eleição pode ser feita até 27 de dezembro.

Quem perder o prazo terá de pagar multa, de aproximadamente R$ 3, mas que pode ser multiplicada até dez vezes, de acordo com decisão da Justiça.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.