quinta-feira , dezembro 8 2016
Home / Polícia / Violência: Criminosos matam dois policiais e aterrorizam nove municípios do RN

Violência: Criminosos matam dois policiais e aterrorizam nove municípios do RN

Viatura da PM foi queimada em Taipu, no RN (Foto: Henrique Dovalle, da Inter TV Cabugi)
Viatura da PM foi queimada em Taipu, no RN (Foto: Henrique Dovalle, da Inter TV Cabugi)
Em menos de 24 horas, ocorreram assaltos, explosão, incêndio e tiroteios. Foram alvos agências dos Correios, bancos e a própria PM.

A Polícia Militar do Rio Grande do Norte registrou, durante a tarde e noite desta segunda-feira (3) e madrugada e manhã desta terça-feira (4), uma série de intervenções criminosas em nove municípios potiguares. Os criminosos saquearam caixas bancários, arrombaram prédios públicos, explodiram uma agência bancária, promoveram arrastões em agências dos Correios, incendiaram uma viatura da Polícia Militar e mataram dois policiais civis em um tiroteio. Um assaltante também morreu em confronto com a polícia.

  A assessoria de imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Defesa Social (Sesed) informou que equipes das Polícias Civil e Militar estão em diligência na tentativa de prender os suspeitos de terem cometido os crimes. As buscas estão sendo gerenciadas pelo Centro de Inteligência da Sesed com o apoio de agentes da Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (Deicor). Além disso, a assessoria confirmou que as divisas do RN com a Paraíba e com o Ceará estão guarnecidas para evitar a fuga dos suspeitos. A expectativa, ainda segundo a assessoria de imprensa da Sesed, é de que até o final da tarde desta terça-feira o secretário Aldair da Rocha emita uma nota oficial sobre os casos.

Na tarde da segunda-feira (3), a Polícia Militar confirmou que as agências dos Correios nos municípios de Bom Jesus, distante 46 quilômetros de Natal, e Lagoa de Pedras, a 50 quilômetros da capital, foram assaltadas por homens fortemente armados. Nas duas cidades, os criminosos entraram nas agências, renderam funcionários e clientes e levaram dinheiro e pertences pessoais. O montante roubado das agências não foi confirmado pelos Correios. A Polícia Militar acredita que os crimes foram cometidos por pessoas diferentes. “Como eles estavam em veículos diferentes, não acreditamos que os assaltos tenham ligação”, afirmou o subtenente da PM João Maria Paiva.

 No início da noite da segunda-feira, dois policiais civis foram baleados durante confronto com bandidos nas proximidades do município de São José de Mipibu, na Região Metropolitana de Natal. Os policiais tentavam recuperar um veículo modelo Pick Up L200 roubado e posteriormente localizado através de GPS. Os policiais foram surpreendidos por criminosos armados que chegaram ao local da ocorrência em outra caminhonete atirando contra os agentes da Polícia Civil. Na troca de tiros, os dois policiais foram atingidos. Um deles, o policial Jovanez de Oliveira Borges, de 39 anos, morreu a caminho do Hospital Regional Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim, município vizinho.

O outro policial civil, Antônio Pereira Pinto Neto, de 48 anos, foi atingido por dois tiros de fuzil no crânio e no tórax. Ele foi socorrido ao Hospital Deoclécio Marques de Lucena, em Parnamirim, e em seguida transferido para o Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, em Natal. Antônio Neto foi submetido a três cirurgias para retirada dos projéteis mas não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã desta terça-feira.
Marcos Aurélio Amador Alves era fugitivo da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, RN, e morreu durante confronto (Foto: Cedida)Marcos Aurélio Amador Alves era fugitivo de Alcaçuz
e morreu após confronto (Foto: Cedida)

Marcos Aurélio Amador Alves era fugitivo da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, RN, e morreu durante confronto (Foto: Cedida)
Marcos Aurélio Amador Alves era fugitivo de Alcaçuz
e morreu após confronto (Foto: Cedida)

O criminoso envolvido na ocorrência, identificado como Marcos Aurélio Amador Alves, era fugitivo da Penitenciária Estadual de Alcaçuz, no município de Nísia Floresta. Segundo informações da direção da casa carcerária, Marcos Amador fugiu da unidade no mês de agosto junto com outros sete detentos. Ele cumpria 174 anos de detenção por assaltos à mão armada. Marcos Amador fazia parte de um dos grupos de extermínio mais perigosos do Rio Grande do Norte, liderado por José Valdetário Benevides, o Valdetário Carneiro, morto em 2003. O assaltante morreu também na manhã desta terça-feira. Ele foi atingido durante troca de tiros com a polícia. Ele ainda foi socorrido ao Pronto-Socorro Clóvis Sarinho, mas não resistiu.

Viatura incendiada

Na madrugada desta terça, uma viatura da Polícia Militar foi incendiada no município de Taipu, região do Mato Grande do RN. Segundo o tenente Demétrio Tindô, a viatura estava estacionada na frente do Batalhão, por volta das 2h40, quando um soldado de plantão percebeu as chamas se propagarem dentro do veículo. “É um carro novo, com três anos de uso. Mas eu prefiro esperar a perícia técnica, que vai determinar se o incêndio foi criminoso ou não”, afirmou o tenente.

Banco explodido

Também durante a madrugada, na cidade de Serra do Mel, no Alto Oeste potiguar, um grupo de pelo menos sete homens armados invadiu a agência do Banco do Brasil. Os bandidos explodiram o prédio e levaram inteiro um caixa eletrônico na carroceria de uma caminhonete. De acordo com o tenente Eromar Sátiro, o bando estava armado com espingardas e pistolas calibre 12. A quadrilha conseguiu fugir.

Prefeitura arrombada

Também na região Oeste, a Polícia Militar registrou o arrombamento do prédio da Prefeitura de Grossos. “Temos informações que o bando tinha entre 10 e 15 homens fortemente armados”, disse o major Correia Lima. Além do arrombamento, os bandidos saquearam um caixa eletrônico do Banco do Brasil. Eles utilizaram um maçarico para violar o equipamento. O bando fugiu após os crimes e a Polícia não conseguiu localizá-los.

Correios assaltados

No início da manhã desta terça-feira (4), as agências dos Correios de mais duas cidades do interior do Rio Grande do Norte foram assaltadas. As informações foram repassadas pelo subtenente da PM João Maria Paiva. “Não acredito que os assaltos tenham sido cometidos pelos mesmos bandidos”, disse o subtenente, considerando a distância entre os dois municípios, que é de aproximadamente 260 quilômetros. Em Rafael Godeiro, o assalto aconteceu por volta das 8h40. Em Várzea, o crime foi registrado às 9h20. Em ambas as cidades, os suspeitos são dois homens que chegaram às agências em motocicletas, renderam os funcionários e exigiram o dinheiro.
Coronel Francisco Araújo, comandante geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte (Foto: Ricardo Araújo/G1)Coronel Francisco Araújo, comandante geral da
Polícia Militar do RN (Foto: Ricardo Araújo/G1)

Para o comandante geral da Polícia Militar do Rio Grande do Norte, coronel Francisco Araújo, os crimes não tem ligação entre si. “As ações são decorrentes do abastecimento dos caixas eletrônicos e das agências dos Correios que realizam pagamentos de aposentadorias e salários. Os deliquentes sabem disso e agem”, justificou. Ele exemplificou que durante esta segunda-feira (3), a Polícia Militar com o apoio da Polícia Civil realizou uma operação na divisa do RN com a Paraíba para prender assaltantes e coibir tentativas de assalto. “Tínhamos informações de que os grupos agiriam nas proximidades da Paraíba e montamos uma operação conjunta. Eles foram surpreendidos e migraram para outras regiões do estado”, afirmou coronel Araújo.

Jandaíra

O município de Jandaíra, na região Agreste potiguar, tornou-se na tarde desta terça-feira (4) a quinta cidade do estado, em 24 horas, a ter uma agência dos Correios assaltada. O fato foi confirmado pelo subtenente João Maria Paiva, do setor de Inteligência da Polícia Militar.

DO G1 RN

Image and video hosting by TinyPic

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.