domingo , dezembro 4 2016
Home / Celebridades / Morre a maior apresentadora da televisão brasileira

Morre a maior apresentadora da televisão brasileira

Morreu na madrugada deste sábado (29), aos 83 anos, a apresentadora de TV Hebe Camargo. Ela teve uma parada cardíaca enquanto dormia em sua casa, no Morumbi, em São Paulo. Hebe lutava desde janeiro de 2010 contra um câncer no peritônio.
No dia 27 de agosto, Hebe Camargo recebeu alta do Hospital Israelita Albert Einstein, onde ficou internada por 13 dias para um tratamento de suporte nutricional e metabólico. Em 2010, Hebe descobriu um câncer no peritônio, a membrana que envolve o aparelho digestivo. Ela retirou o tumor e fez sessões de quimioterapia.
Hebe foi um dos maiores ícones da história da TV brasileira. Filha de Ester e Fego Camargo, ela nasceu no dia 08 de março de 1929, data em que também é comemorada o Dia Internacional da Mulher, em Taubaté, São Paulo. Teve uma infância humilde, mas sua trajetória de sucesso lhe proporcionou grandes contratos nas maiores emissoras do País.

Lembrar da carreira de Hebe Camargo é traçar a história da TV no Brasil. Ela começou a vida artística na década de 40 como cantora no quarteto Dó-Ré-Mi-Fá com sua irmã Estela e as primas Helena e Maria. O grupo acabou três anos depois e Hebe e Estela criaram a dupla caipira chamada Rosalinda e Florisbela. Como a parceria durou pouco, Hebe resolveu seguir carreira solo e ficou muito popular na época.
transmissão ao vivo da televisão brasileira, no bairro do Sumaré, em São Paulo, em 1950. Mas não apareceu no evento, sendo substituída por Lolita Rodrigues, de quem foi amiga sua vida toda. Na época ela alegou estar doente, mas em 2007 confessou em um programa de TV que não quis aparecer porque acompanhou o namorado em uma festa e também porque considerava a letra do hino horrível.
A carreira de cantora continuou e ela gravou um disco em homenagem a Carmem Miranda. Com isso, ganhou o título de Estrelinha do Samba e, posteriormente, A Estrela de São Paulo. Hebe chegou a participar de filmes de Mazzaropi (1912-1981) e contracenou com Agnaldo Rayol em um deles.
Apresentadora
Hebe inicialmente substituiu Ary Barroso num famoso programa de calouros e todos perceberam seu talento como apresentadora. Em 1955, ela mudou radicalmente o seu visual, de cabelos pretos para loiros, como ficou conhecida até sua morte. Passou a apresentar o primeiro programa feminino da TV brasileira, O Mundo é das Mulheres, na TV Paulista, Canal 5, antecessora da Globo. Nessa época, chegou a apresentar cinco programas por semana.
O formato da atração já era semelhante ao programa que teve até a sua morte. Ela recebia convidados famosos em seu sofá. Entre uma das participações mais célebres está a do doutor Barnard, que fez o primeiro transplante de coração do mundo.
Casamento
Em julho de 1964, Hebe interrompeu sua carreira de apresentadora para se casar com o empresário Décio Capuano. Os dois tiveram o único filho da artista, Marcello Camargo.
Mas logo ela retomou seu trabalho, com um programa na rádio Excelsior. Em 6 de abril de 1966, estreou na TV Record o Programa Hebe, tendo como convidado o cantor Roberto Carlos. A atração bateu recorde de audiência, chegando a obter 70% dos telespectadores.
A apresentadora terminou sua união com o empresário Décio Capuano em 1971. Dois anos depois, conheceu Lélio Ravagnani, com quem viveu até 2000, ano em que ele morreu.
Retorno para a TV
Hebe ficou longe da TV quase 10 anos e retornou em 1981 na TV Bandeirantes. Ela ganhou um programa exibido nas noites de domingo e, posteriormente, às sextas-feiras. Depois de quatro anos de sucesso, a direção da emissora decidiu acabar com a atração.
Em 1985 ela recebeu convite do SBT e, em novembro do mesmo ano, assinou contrato. A estréia aconteceu no dia 4 de março de 1986. A artista apresentou também, entre agosto de 1991 e dezembro de 1993, o Hebe Por Elas, programa de entrevistas só com mulheres, e chegou a ter, por curto período, uma atração nas tardes de domingo.
Em 2011, Hebe mudou mais uma vez de emissora e fez sua estreia na RedeTV!, inaugurando uma nova fase na carreira de sucesso. O formato do programa, no entanto, continua o mesmo e o sofá de Hebe acabou se transformando em uma instituição da televisão brasileira.
Discos
A carreira de cantora foi retomada em 1999. Hebe gravou o CD Pra Você. O show de lançamento do disco, realizado no Palace, alcançou enorme repercussão e originou uma turnê pelas principais capitais do País. Já o CD Como é Grande o Meu Amor por Vocês – Hebe e Convidados foi lançado em agosto de 2001, com as participações especiais de Chico Buarque, Caetano Veloso, Zezé di Camargo e Luciano, Simone, Nana Caymmi, Zeca Pagodinho, Ivete Sangalo e Fábio Jr.
Novelas
Hebe fez poucas participações especiais em novelas e programas de comédia. A primeira foi em 1978, em O Profeta da TV Tupi. Depois participou de uma versão de Romeu e Julieta (1990), ao lado de Golias e Nair Bello, que também já morreram. A atração foi regravada em 2003. Hebe participou ainda de Meu Cunhado, de 1999, e Amigas e Rivais (2007).
Veja a lista dos discos de Hebe:
2007: As Mais Gostosas da Hebe
2001: Como é Grande o meu Amor por Vocês
1998: Pra Você
1966: Hebe
1965: Hebe 65
1963: Hebe e Vocês
1960: Sou Eu
1956: Festa de Ritmos

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Juliana Isen nua na Sexy de novembro 2016
error: Você não tem permissão para usar essa função.