segunda-feira , dezembro 5 2016
Home / RN / 63 cidades do RN estão na lista dos orelhões que farão ligações gratuitas

63 cidades do RN estão na lista dos orelhões que farão ligações gratuitas

Os telefones públicos de 63 municípios do Rio Grande do Norte vão estar liberados para realizar ligações gratuitas até 31 de outubro, e um até 31 de dezembro. Segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), a medida é uma forma de punir a operadora de telefonia Oi, responsável pela gestão dos aparelhos, já que a mesma não cumpriu as metas de serviços impostas pela Agência. A gratuidade será válida para ligações dentro da mesma cidade, em chamadas destinadas a telefones fixos. Até o final do mês de setembro, todos os orelhões das cidades beneficiadas estarão adequados à medida.


Duas cidades da região metropolitana de Natal foram contempladas pela gratuidade, são elas Macaíba, onde a medida vale até outubro, e São Gonçalo do Amarante, em que a validade acaba no mês de dezembro. A gratuidade estará disponível em municípios de todas as regiões do estado. Nestes, os orelhões deverão funcionar mesmo sem o uso do cartão telefônico. Caso os usuários coloquem o cartão em um aparelho incluído na medida, esse não deverá absorver os créditos.
O Rio Grande do Norte é o oitavo estado da região nordeste com menor número de cidades beneficiadas pelo serviço gratuito. Nas localidades onde a medida terá validade até outubro, a gratuidade se deve a problemas de disponibilidade, ou seja, número alto de equipamentos que não estavam funcionando. Já em São Gonçalo do Amarante, a sanção foi motivada pelo não cumprimento da meta determinada pela Anatel, de quatro aparelhos a cada mil habitantes.
Em todo Brasil, 2.020 orelhões serão afetados pela medida. No ano passado, a Anatel impôs às concessionárias de telefonia metas para melhoria do serviço de orelhões depois de identificar que, em alguns estados, menos da metade dos equipamentos estava em funcionamento.
O problema, de acordo com a agência, se devia a vandalismo e também à incapacidade dos fornecedores de atenderem à demanda pelos telefones públicos – existem apenas dois fabricantes no país.
A meta estipulada pela Anatel foi de que as concessionárias chegassem a pelo menos 90% dos orelhões ativos até o meio de 2012.
Oi
Procurada pelo G1, a Oi informou ter assumido, no segundo semestre do ano passado, compromisso de revitalizar sua planta de telefones públicos (orelhões) e que o cronograma de realização dessas melhorias foi prejudicado por questões alheias à vontade da companhia, “como o atraso na entrega de 135 000 equipamentos por parte de fornecedores nacionais e problemas climáticos”.
Confira a lista com os  municípios afetados:
Acari
Água Nova
Angicos
Antônio Martins
Baia Formosa
Bento Fernandes
Boa Saúde
Caico
Caraúbas
Carnaúba Dos Dantas
Carnaubais
Ceará-Mirim
Cerro Cora
Coronel João Pessoa
Currais Novos
Espirito Santo
Florânia
Frutuoso Gomes
Guamaré
Ielmo Marinho
Ipanguaçu
Janduís
Jardim De Angicos
Jardim Do Serido
João Câmara
João Dias
José Da Penha
Jucurutu
Lagoa De Pedras
Lucrécia
Luís Gomes
Macaíba
Macau
Marcelino Vieira
Nova Cruz
Ouro Branco
Parazinho
Parelhas
Pureza
Ruy Barbosa
Santana Do Matos
São Bento Do Norte
São Gonçalo Do Amarante
São Miguel Do Gostoso
São Pedro
São Rafael
Serra De São Bento
Serrinha
Sitio Novo
Tangara
Touros
Triunfo Potiguar
Venha-Ver
Fonte: G1 RN

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.