segunda-feira , dezembro 5 2016
Home / Nacional / Terra: As catástrofes que mudaram o Planeta O evento K-T

Terra: As catástrofes que mudaram o Planeta O evento K-T

O mundo é mesmo misterioso e talvez nunca desvendaremos todos os seus mistérios. Hoje vamos começar desvendando as curiosidades sobre o suposto asteróide causador da extinção dos dinossauros.
O evento K-T
asteroides
Esse evento é marcado pela extinção que ocorreu há mais de 65 milhões de anos e ela marca a passagem do período Cretáceo (K) paraASTEROID1 o Terciário (T). Para quem não sabe, grande parte dos seres vivos da época foram extintos, incluindo, é claro, os dinossauros e vários répteis gigantes.
Vários estudos apontam que essas extinções aconteceram após esse impacto com um asteróide que deixou grande quantidade de irídio, um elemento químico raro na Terra, que é normalmente associado a extraterrestres.
O físico Luis Walter Alvarez e seu filho Walter Alvarez, elaboraram a melhor teoria já criada para explicar o desaparecimento dos dinossauros: O impacto com asteróide. 

10peq_corpos_sist_solar33
Para comprovar essa teoria eles descobriram uma camada de irídio, que como dito acima, é associado a ETs, asteróides e cometas. Mas essa é apenas a primeira evidência; a segunda e mais incrível é a descoberta de uma cratera gigante soterrada em Chicxulub, no México. A cratera mede aproximadameextincao-dinossauro-cretacente 180 quilômetros de diâmetro e o suposto asteróide que teria atingido a terra teria 10 quilômetros de diâmetro. Os impactos desse acontecimento foram catastróficos, pois com isso foi liberada energia superior a da explosão das bombas atômicas usadas em Hiroshima e Nagasaki. Depois desse impacto a Terra teria ficado inerte em poeira, se transformando em uma espécie de escuridão, já que era impossível ver o Sol por aproximadamente dois anos. Com isso veio a destruição das espécies que necessitavam de fotossíntese para viver. Logo, sem vegetais os dinossauros herbívoros morreram e em seguida os carnívoros, já que não podiam mais se alimentar dos outros, que morreram primeiro.
extincao-dos-dinossauros
Essa suposta colisão ocasionou outras tragédias como o arremesso de detritos ao espaço, incêndios em escala mundial – devido a enorme quantidade de gás carbônico – o efeito estufa, e também a chuva ácida, aumentando a temperatura e acidez dos oceanos. A impressão é de que tudo estava sendo transformado!
asteroide-fim-do-mundo-terra-destricao-dinossauros-armageddonSobre essa curiosa cratera, ela não foi a única, mas é a maior e mais significante. Outras foram encontradas com idade aproximada. Segundo Wikipédia, outros asteróides caíram ao mesmo tempo daquele que atingiu o México, dando origem a: “cratera de Boltysh na Ucrânia (com 24 quilômetros de diâmetro), a cratera de Silverpit na costa do Reino Unido (com 20 quilômetros de diâmetro), a cratera de Eagle Butte em Alberta, Canadá (com cerca de 10 quilômetros de diâmetro) e a cratera de Vista Alegre no sul do Brasil (com 9,5 quilômetros de diâmetro).”
impacto_meteoro_dinossauros
Outros estudiosos afirmam que os dinossauros não teriam sido extintos nesse impacto, pois ele teria acontecido há mais ou menos 300 mil anos antes do grande extermínio…
São poucas teorias para muitos mistérios. Em que acreditar? Esse pode não ser o último estudo sobre o assunto, e logo muitas dúvidas podem ser resolvidas. Mas independente de qualquer coisa esses acontecimentos são muito interessantes e nos fazem querer descobrir ainda mais.
Não deixe de acompanhar a série e descobrir mais sobre as catástrofes que mudaram o nossoplaneta!

Não deixe de clicar logo abaixo em “Recomendar”, espalhando esse post e ajudando o Minilua!
Me adicionem no Facebook: Nandy Martins e me siga-me no Twitter: (@Nandy Martins)
Adaptado do Wikipédia e sugerido por Leandro Gianetti Bacchi.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Você não tem permissão para usar essa função.